Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Armazem Paraíba

Armazem Paraíba

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Eleições CCAA/UFMA: Carta Aberta do Professor Jocélio

Carta aberta à comunidade acadêmica do CCAA

Caros alunos, professores e técnicos,

O Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Federal do Maranhão (CCAA/UFMA) teve um crescimento vertiginoso nesses últimos 04 (quatro) anos. Um crescimento que não acontecia em 23 (vinte e três) anos, quando foi fundada a instituição em Chapadinha. Isso só foi possível porque tivemos a coragem de enfrentar os desafios e a ousadia de assumir os riscos. Mas principalmente porque tivemos a colaboração valiosa de professores, alunos, técnicos e funcionários.

Quando iniciamos nossas atividades, em 2006, encontramos diversos problemas: as obras estavam paralisadas e a área do Campus invadida. Não havia pavimentação. Faltavam computadores. Os estudantes não tinham bolsas. O número de professores era pequeno. O CCAA corria o risco de fechar, devido ao baixo número de alunos aprovados no vestibular tradicional. Também tínhamos problemas de energia, conexão com a internet e climatização.

CCAA/UFMA - Campus Chapadinha

O que fizemos? Entramos na Justiça para desbloquear o recurso da construção do prédio principal e retomar as atividades. Resultado: aprovamos um novo projeto que culminou não só na conclusão do prédio principal, mas em uma série de obras: galpão de máquinas e implementos agrícolas, galpão de insumos, galpão da fábrica de ração e unidade de estudos biológicos. Atualmente estamos concluindo a pavimentação e a urbanização do Campus, com a drenagem das vias de acesso. Também estamos construindo o ginásio de esporte, o restaurante universitário e as novas guaritas, para garantir mais segurança.

Quanto aos computadores, no começo das aulas havia apenas 02 (dois) (sendo que um deles era emprestado da prefeitura). Hoje temos mais de 50, todos ligados em cabo de fibra ótica, via satélite. Está em licitação uma operadora que vai fornecer o sinal de Wireless, a fim de que todos possam acessar com mais facilidade em qualquer lugar do Campus. Também construímos uma subestação de energia no Campus. Isso garantiu a climatização do prédio principal, incluindo sala de professores, biblioteca e auditório. Já adquirimos mais de 60 aparelhos de ar-condicionado e estamos conseguindo mais 88. Nosso objetivo é climatizar totalmente as salas de aula, dando maior conforto aos estudantes.

Em relação aos professores, o número e a qualificação cresceram vertiginosamente. No começo, eram apenas 32 professores. Hoje temos 53 - a maioria deles com doutorado. Isso ocorreu porque conseguimos a aprovação do doutorado interinstitucional DINTER, o que possibilitou melhoria da capacitação dos nossos docentes. Isso nos coloca numa situação igual ou até mesmo superior a grandes centros universitários do país.

Quanto às bolsas, em 2006 não tínhamos nenhuma. Posteriormente apareceram trinta bolsas de assistência estudantil. Hoje são mais de 100 cem bolsas - entre bolsas de assistência estudantil, bolsa PIBID, bolsa PIBIC, bolsa de mobilidade acadêmica e bolsa de iniciação científica. Também dobramos o valor da bolsa de assistência estudantil, que antes custava apenas cem reais.

Outro passo importantíssimo para o desenvolvimento do CCAA foi a nossa adesão ao SISU (Sistema de Seleção Unificada), que substituiu o vestibular tradicional. Isso evitou o fechamento dos cursos e garantiu que a universidade permanecesse no município de Chapadinha. Hoje não corremos mais o risco de fechamento dos cursos, nem temos problema com aprovação. Se antes tínhamos turmas de cinco, seis ou dez alunos, atualmente temos sempre turmas fechadas de 40 alunos. Por semestre, entram 120 alunos.

Sem dúvida alguma, muita coisa mudou no Campus de Chapadinha. Mas será que ainda precisamos fazer mais? Claro que sim. Temos consciência disso. Precisamos criar programas de pós-graduação (mestrado e doutorado), mais bolsas de mobilidade, consolidar a revista científica, mais políticas de assistência, criar modalidades esportivas, viabilizar o transporte universitário e a alimentação estudantil. Esse é o nosso compromisso.

Quando assumi a direção, nossa meta era fazer o Campus funcionar. Hoje nosso objetivo é outro: consolidar o CCAA no cenário nacional. Como vamos conseguir isso? Com mais trabalho, seriedade e principalmente com a participação de todos os que fazem parte da comunidade universitária. Conto, portanto, com você. Vamos juntos construir a nossa universidade! Um abraço fraterno.

Jocélio Araújo, candidato a diretor do CCAA/UFMA
 

Nenhum comentário:

Arquivo do blog