INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Star Drinks

Star Drinks

Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

Posto Ipiranga / Chapadinha

Posto Ipiranga / Chapadinha

sábado, 2 de março de 2013

Rede Municipal de Ensino Conta com Coordenação de Educação Especial

 
 
Supervisores da rede municipal de ensino da zona urbana reuniram-se na manhã desta sexta (01), na secretaria de educação para discutirem as condições das escolas nesse início de ano letivo. A falta de carteiras foi um dos problemas apontados. Segundo o secretário de educação, Francejane Magalhães, já foi providenciada a recuperação de algumas e em outros casos, a aquisição de novas para repor as danificadas. E entrega está prevista para daqui a 15 dias, disse o secretário.

Na oportunidade também foi apresentada mais uma inovação no ensino municipal de Chapadinha. A partir de agora o município conta com a coordenação da educação especial. A responsável pelos trabalhos será a Dra. Murta, que já adiantou o início das ações com um levantamento das deficiências dos alunos.

Será um trabalho específico com crianças que apresentem deficiência, independentemente, do grau de severidade, desde um distúrbio de leitura escrita ou discalculia (desordem neurológica específica que afeta a habilidade de uma pessoa de compreender e manipular números), até uma deficiência mental mais severa”, disse a coordenadora.

Para a plenitude da inclusão educativa, após a identificação do quadro de cada aluno, por meio dos supervisores das escolas, serão realizadas terapias de fonoaudiologia e psicopedagogia com as crianças, capacitação com professores e palestras com as famílias para esclarecer as dúvidas de como proceder em cada caso.

O objetivo da coordenação é atingir a inclusão que gere paz social, onde todos: pais, filhos e professores consigam manter o mesmo diálogo em prol da educação.
 
 
 
 
 

Governo Municipal Faz Avaliação dos 60 Dias de Trabalho

 
 
Em uma avaliação dos 60 dias do novo governo municipal, vários coordenadores da área da Saúde, secretário Dr. Charles Bacellar e a prefeita, Ducilene Belezinha, concederam na tarde da última sexta-feira (01), entrevista no Programa Balanço Geral - da Rádio Cultura FM.

Participaram da rodada de entrevistas o coordenador de laboratório, Tito Neto, diretor do departamento de vigilância epidemiológica, Eduardo Luis da Silva, o terapeuta ocupacional do Caps, Luis Roberto, coordenador da vigilância sanitária Edivar Júnyor (por telefone), diretora do HAPA, Joselene Fortes, Jordania ( representando o diretor clínico do HAPA), Dr. Talvane Hortegal (médico da HAPA), Isamara Meneses (assessora especial em Brasília), secretário de Saúde, Dr. Charles Bacellar, secretária adjunta de Saúde, Valnice Meneses e a prefeita, Ducilene Belezinha.

Desde o início do ano, a nova gestão tem encontrado vários problemas na área da saúde, desde prédios com estruturas físicas comprometidas até a falta de material para o trabalho. Mas todos esses problemas, tem sido encarados como desafios a serem superados. Em cada departamento uma situação peculiar foi detectada, no laboratório de análises clínicas, que funciona no hospital Benu Mendes, por exemplo, nem a pintura da sala era apropriada. De acordo com o coordenador do laboratório, Tito Neto, os equipamentos encontrados não estavam em condições de uso, mas essa situação mudou, a partir da próxima segunda-feira (04), o laboratório volta a funcionar.

Exames que antes nunca foram realizados na cidade, agora serão feitos aqui mesmo” disse o coordenador.

Na área da vigilância epidemiológica, os trabalhos estão voltados para a prevenção da dengue. Mesmo com o período chuvoso fraco, já foi o bastante para a proliferação do mosquito transmissor da doença.

De acordo com o coordenador do setor, dos 24 bairros de Chapadinha, 13 foram considerados infestados pelo mosquito e desse total 7 foram considerados mais críticos. As ações se concentram nesses bairros para evitar situações mais graves. Para isso, a vigilância está realizando a borrifação.

O departamento da Vigilância Sanitária, que antes nem transporte para a realização de fiscalizações tinha, hoje possui dois: um para fiscalização e outro para acondicionamento de produtos apreendidos.

Segundo o coordenador da Vigilância Sanitária, Edivar Júnyor, a preocupação com a excelência no serviço é uma constante, pois os trabalhos tratam de saúde pública. Prova disso é que a partir da próxima segunda-feira (04), a equipe vai passar uma capacitação com duração de uma semana. O objetivo é oferecer tranquilidade à população tanto na prevenção quanto às denuncias de estabelecimentos que estiverem comercializando produtos impróprios para o consumo.
Nosso compromisso é com a qualidade do serviço prestado à comunidade. Estamos buscando cada vez mais nos qualificar para realizarmos um trabalho digno à população”, declarou o coordenador.

A mudança também atingiu a classe médica. Antes um médico tinha que desempenhar sozinho várias especialidades (clínico geral, cirurgião, pediatra) para atender a demanda. A escala sobrecarregava o profissional que exausto não conseguia atender de maneira satisfatória o paciente que reclamava dos serviços. Mas hoje, a situação é outra. Cada médico atende em sua área específica evitando diagnósticos incorretos.

Foi uma mudança de 360 graus. O compromisso com o povo é visível logo que se entra no HAPA, pois tem médico atendendo todos os dias de maneira a respeitar tanto o paciente como também o profissional", disse o médico Talvane Hortegal, que faz parte do quadro clínico do HAPA.

Para o secretário de Saúde, Charles Bacellar, o desafio é diário.

Com o passar do tempo, fomos descobrindo que os problemas eram maiores do que imaginávamos. E pior é que muita coisa deixou de ser feita não por falta de recursos, mas de força de vontade”, disse o secretário.

As filas no hospital, falta de medicamento, falta de médico e até de condições para internação fazem parte do passado. As mudanças no Hospital Antônio Pontes de Aguiar, começaram logo no dia 1º de janeiro, com aquisição de medicamentos, contratação de médicos e profissionais comprometidos com a saúde pública. Hoje cirurgias eletivas, antes privilégios de alguns, é uma realidade para todos. De acordo com o secretário, só nesta sexta-feira (01), foram realizadas 14 procedimentos no HAPA.

"Depois de 60 dias de trabalho, começamos a respirar um pouco, mas ainda há muito por se fazer, como por exemplo a aquisição de equipamentos para a unidade. Encontramos equipamentos com mais de 12 anos. Um risco para a população!” completou o secretário.

Quanto ao transporte de pacientes dentro e fora da cidade, o secretário informou que o HAPA conta com 7 veículos em condições de circular até para viagens. Além das ambulâncias o município também conta com o micro-ônibus que viaja para São Luís três vezes por semana para levar pacientes de hemodiálise.

Já foi feita a solicitação para que as consultas dos pacientes de Chapadinha, em São Luís, sejam marcadas para os dias em que o micro-ônibus viaja para a capital, e assim, outros pacientes possam ir e voltar no carro evitando gastos com passagens” afirmou o secretário.

Para finalizar a rodada de entrevista a prefeita, Ducilene Belezinha, respondeu a vários questionamentos sobre as secretarias de sua gestão. Na área da saúde, em menos de dois meses já se tem boas notícias, como por exemplo, a conquista de uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento) para Chapadinha, que irá desafogar o atendimento no HAPA e o início dos trabalhos para a construção do Hospital Regional de Chapadinha, com 50 leitos.

De acordo com a prefeita os débitos deixados pela antiga gestão estão impedindo a assinatura de convênios com o governo federal e uma das consequências disso é o impedimento de captação de recursos para construção de estradas. Apenas pequenas obras podem ser realizadas no município.

Quanto a coleta de lixo, a novidade foi o caminhão compactador com capacidade de armazenamento de 11 toneladas. O veículo agiliza o serviço e minimiza os impactos pela cidade.

A população também deve fazer a parte dela, se organizando quanto aos dias da coleta de lixo para evitar sacolas nas ruas”, pediu a prefeita.

Na área da educação, os problemas são as obras inacabadas das escolas, falta de carteiras e de ventiladores. Os trabalhos para minimizar esses problemas estão sendo realizados, com reformas de carteiras, substituição das mais gastas e reposição de ventiladores, já quanto às obras das escolas ainda se busca uma solução que não prejudique os alunos. Para a educação infantil uma conquista inédita, o município busca parcerias para a confecção de livros e assim otimizar as aulas com recursos que facilitem o aprendizado.

Na área da Assistência Social, o cadastro para a moradia deve começar no mês de abril. A prefeita anunciou também, a assinatura de um contrato para a construção de mais 1.000 casas populares, onde serão construídos um CRAS e posto policial.

Na secretaria de Agricultura uma equipe técnica está de prontidão para atender ao pequeno produtor com informações sobre manejo correto de cada tipo de solo. A prefeitura firmou parcerias para a aquisição de insumos ao pequeno produtor.

Quanto aos semáforos, que queimam com as constantes variações de energia, o município já entrou em contato com uma empresa, especializada no ramo, para assumir esse serviço.

A iluminação pública também é outro desafio para o qual o governo municipal está atento. Só na zona rural são necessárias 6 mil luminárias. Um trabalho que deve ser realizado por etapas.

Outro assunto que gerou muitos questionamentos foi quanto ao pagamento dos servidores. A prefeita adiantou que será feito sempre no último dia útil do mês e que uma tabela com datas e prazos dos pagamentos deve ser divulgada até o fim desse mês.

Meu compromisso é com o povo. Estou trabalhando para oferecer o melhor para nossa gente que já sofreu muito com o descaso. Agora é a hora de organizarmos a casa. Não podemos nos precipitar e atropelar as etapas. Mexer com dinheiro público requer cuidado e muita responsabilidade”, concluiu a prefeita.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

CHAPADINHA: Projeto para a Construção do Hospital Regional Avança


O secretário municipal de Saúde, Dr. Charles Bacellar, e os engenheiros da obra apresentam a planta do futuro Hospital Regional.


 
A Secretaria Municipal de Saúde e os técnicos da empresa Ires Engenharia Com. e Representação estiveram reunidos vistoriando o terreno onde será construído o Hospital Regional. Na ocasião foi apresentada a planta da futura unidade médica que deverá se concretizar nos próximos 18 meses, proporcionando um atendimento de melhor qualidade.

Localizado às margens da MA 230 no KM 03, saída de Chapadinha, o terreno onde o prédio será construído tem 14.400 m2, e já começou a ser preparado para as obras.

O Hospital Especializado tipo I terá capacidade para 50 leitos e equipado com centro cirúrgico com 4 salas, centro de imagens de tomografia, raio-x, ultrassom, mamografia e endoscopia, serviço de pronto atendimento 24 horas (SPA) e mais laboratórios de análises clínicas. O valor está orçado em R$ 15.075.684,99.
 

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Secretários Reúnem-se com Famílias Quilombolas

 
 
A reunião desta quinta-feira ( 28 ), aconteceu na sala da secretaria de Igualdade Racial e teve como objetivo apresentar os problemas enfrentados pelas 20 famílias da Comunidade Quilombola de Barro Vermelho a 38 quilômetros de Chapadinha. Segundo o advogado da Associação Maranhense dos Direitos Humanos, Igor Almeida, as dificuldades começam desde o acesso das crianças a escola, falta de assistência médica (posto de saúde), água e problemas ambientais.

De acordo com o advogado da associação, desde o ano de 2000, que a comunidade sofre com conflitos agrários “a terra está em litígio, e com isso não temos documentação para doarmos áreas para construção de qualquer prédio no local, mas precisamos de uma solução para nossos problemas”. Ainda de acordo com o advogado, uma escola chegou a ser construída para as crianças, mas fora da para da comunidade, o que dificulta o acesso ao ensino, completou.

Para entender quais as dificuldades da comunidade, uma equipe da secretaria de educação deve ir na próxima semana, até o local e fazer um levantamento da situação e logo após, deve apresentar possíveis soluções para os problemas.

Além dos representantes das famílias, estiveram presentes os secretários de saúde, Charles Bacellar; de educação, Francejane Magalhães; de Assistência Social, Francisco das Chagas Lima Paiva; da Igualdade Racial, Chiquinha Pessoa; adjunto do meio ambiente, George Gomes e a assessora especial em Brasília , Izamara Meneses.
 
 
 
 
 
 

URBANO SANTOS/ANAPURUS: Estádios Municipais Ganharão Reformas e Iluminação


O ministro do esporte, Aldo Rebelo (PCdoB), recebeu, nesta quarta-feira (27), em audiência, o deputado federal Francisco Escórcio (PMDB-MA). Na oportunidade, o deputado cobrou do ministro uma posição sobre a questão dos estados que ficariam fora da Copa do Mundo, em especial, o seu querido Maranhão.

O ministro ouviu atentamente as explicações do deputado e se manifestou no sentido de fazer de São Luis sede de pré-temporada de uma grande seleção, possivelmente a França, tendo em vista laços históricos que ligam os franceses à capital maranhense.
Em relação à Olimpíada, o ministro garantiu que o Maranhão sediará um esporte, que poderia ser, segundo ele, o handebol ou o basquete feminino, visto que são modalidades bastante populares no estado e com destaque nacional.
A grande vitória, entretanto, vem das adequações que nossas praças esportivas terão que sofrer para receber tais eventos. O ministro garantiu que tanto o estádio Castelão quanto o Complexo Esportivo passarão pelas reformas necessárias para que possam sediar eventos de tamanha envergadura, e que estará pessoalmente, entre final de abril e início de maio, visitando o Maranhão e suas praças esportivas.
O deputado Chiquinho Escórcio, atento às questões do Maranhão, conquistou ainda a reforma e iluminação dos estádios de futebol dos municípios de Anapurus e Urbano Santos.
 
(Texto resumido)
 
 

BAIXO PARNAÍBA: Representantes da Sociedade Civil Alertam Sobre Aumento de Conflitos Agrários

 
reunião discutiu conflitos agrários
 
Os advogados Luís Antônio Pedrosa e Rafael Silva, ambos da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil, e Diogo Cabral, da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura do Maranhão (Fetaema) e Comissão Pastoral da Terra (CPT), visitaram, na manhã desta quinta-feira, 28, a Procuradoria Geral de Justiça, com o objetivo de alertar sobre o aumento dos conflitos agrários no estado, que resultam em mortes e em ameaças a líderes camponeses. Outros problemas referentes à questão são a invasão ilegal de terras - muitas pertencentes a grupos tradicionais quilombolas e indígenas - e a devastação da vegetação nativa.

De acordo com informações de Diogo Cabral, há dois anos o Maranhão superou o Pará no número de áreas rurais em conflito. Em 2011, eram 226, ano passado o número de áreas subiu para 260. Os locais de maior incidência são a região do município de Codó e o Baixo Parnaíba, que inclui terras de Urbano Santos, Chapadinha e São Benedito do Rio Preto. No Oeste do estado, a cidade de Buriticupu detém um elevado índice de criminalidade referente a conflitos agrários. As disputas já se estendem à zona rural de São Luís, a exemplo da comunidade da Pindoba. "De 2011 até este ano foram assassinadas aproximadamente 15 lideranças camponesas no Maranhão", afirmou.

Outro problema apontado pelos advogados é a proximidade de muitos fazendeiros agressores com políticos, empresários, autoridades e com a polícia, contribuindo para a impunidade. "Em determinadas áreas existe grande presença de homens armados, que constituem verdadeiras milícias", completou Rafael Silva, da OAB.

A procuradora-geral de justiça, Regina Lúcia de Almeida Rocha, informou que está sendo estudada a criação de uma Promotoria de Justiça Agrária, com atuação em todo o Maranhão, para tratar exclusivamente desse tipo de demanda.

Pelo Ministério Público do Maranhão também participaram da reunião o subprocurador-geral de justiça para Assuntos Jurídicos, Suvamy Vivekananda Meireles, o diretor em exercício da Secretaria para Assuntos Institucionais, Emmanuel José Peres Netto Guterres Soares, e o promotor de justiça Marcos Valentim Pinheiro Paixão, chefe da Assessoria Especial da PGJ.


Redação: Eduardo Júlio (CCOM - MPMA)

 

MIRANTE/Local: Programa "Passando a Limpo" Será Apresentado por Jane Andrade e Ir. Gomes

 
Postamos aqui o anúncio da Rádio Mirante de Chapadinha sobre novo programa, que terá no comando a professora e blogueira Jane Andrade, com estréia no próximo domingo, dia 3 de março, que teria o nome "Na Mira". Até aqui tudo certo. Só que nesta quinta-feira (28), começaram a ser veiculados outro anúncio, com mudança no título do programa, que agora será "Passando a Limpo", e contará com a participação do Ir. Gomes. O programa, semanal, irá ao ar das 10h ao meio-dia, com transmissão simultânea na AM e FM. No roteiro, notícias, entrevistas, opinião e entretenimento.
 

CAMPEONATO MARANHENSE: Bacabal Recebe o Santa Quitéria de Olho no G4 do Estadual

De um lado, uma equipe querendo se manter no G4 do primeiro turno do Campeonato Maranhense. De outro, um time disposto a conseguir sua primeira vitória no Estadual. Com essas duas situações distintas, Bacabal e Santa Quitéria se enfrentam, nesta quinta-feira (28), no estádio Correão.
 
Com uma vitória e um empate em casa no início do Estadual, o Bacabal vem de uma goleada sofrida em São Luís, diante do líder e atual tricampeão Sampaio Corrêa. Precisando de uma vitória para se manter na briga pelas primeiras posições, o BEC não deverá ter alterações na equipe que foi derrotada no último domingo (23).
Já o Santa Quitéria, que somou seu primeiro ponto na competição ao empatar com o São José, fará sua terceira partida consecutiva fora de casa. Para conquistar os três pontos em Bacabal, a Raposa deposita suas fichas em seu trio ofensivo, formado por Juninho, Romário e Kléber Juazeiro.
FICHA TÉCNICA
BACABAL: Bira; Carlinhos, Charles, Diego e Jhonatas; Wanderson, Rafael, Diego Bala e Erlon; Gustavo e Luciano. Téc.: Mael.
SANTA QUITÉRIA: Ismael; Júnior Tatu, Marcão, Alexandre Black e Zé Júnior; Henrique, Dayvison, David e Juninho; Kléber Juazeiro e Romário. Téc.: Émerson Matheus.
 
 
 
 

Compromisso com a Verdade: Marca do Governo Municipal

 
 
Sobre a reunião com os vereadores na última segunda-feira (18), que teve como objetivo expor os problemas pelos quais o município passa, e assim, sensibilizar os parlamentares para que juntos, possam buscar soluções para sanar os problemas no menor tempo possível, a prefeita teria sido questionada quanto a vinda da empresa Suzano para Chapadinha.

Eu falei que em uma conversa com a ex-gestora Danúbia, ela teria me dito que havia firmado contrato com a Suzano, no ano passado, para a construção de uma estada, mas quem seria responsável pela obra seria o Governo do Estado. Fui atrás dessa informação junto ao Governo do Estado, que não confirmou tal acerto” disse a prefeita.

Ainda de acordo com a prefeita, o município passa por problemas financeiros e que não dispõe de recursos para custear obras, nesse momento.
Cuidado e responsabilidade com o povo tem sido uma marca da prefeitura de Chapadinha. A distorção dos fatos e o teor de conversas podem ter conseqüências prejudiciais para o município. Tais atitudes, por parte de algum vereador, podem atrapalhar a vinda da Suzano para a cidade.
Sobre a reunião ( 18 )
Belezinha apresentou aos parlamentares os débitos da gestão anterior que culminaram no bloqueio do Fundo de Participação do Município de Chapadinha. Os documentos apresentados comprovam o débito no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP), referentes aos meses de outubro, novembro e dezembro de 2012 que somam R$ 167.662.96 e outra dívida junto ao INSS de R$ 14.000.000,00 além do parcelamento relacionado à previdência (que está sendo descontado todo mês nos seguintes valores: R$ 100.360,53/ R$ 57.367,08/ R$ 21.543,94/ R$ 3.371,92 e ao PASEP ( R$ 20. 208,55 e R$ 5.998,77).

Na ocasião a prefeita comunicou que estava providenciando o pagamento do PASEP, ainda para tarde de hoje, mas para que o FPM seja desbloqueado o município terá que quitar ou parcelar, ainda, a dívida junto ao INSS. Os débitos herdados da gestão da ex-prefeita, Danúbia Carneiro, comprometeram o município que perdeu convênios com órgãos federais e recursos estaduais.
No que se refere ao Instituto de Previdência e Aposentadoria de Chapadinha (IPC), ainda está sendo feito uma auditoria para se ter a noção dos débitos.
Sobre o decreto de emergência, a prefeita esclareceu que havia dado um prazo de 30 dias para que a ex-gestora concluísse as obras inacabadas (e as que nunca foram iniciadas), a pedido da própria ex-prefeita. Mas em vista do não cumprimento, Belezinha resolveu entrar com o estado de emergência para que o município não saísse prejudicado.
 

Homem de Mata Roma é Preso em Chapadinha com Arma de Fogo

 
 
Na manhã desta quinta-feira (28), o Serviço de Inteligência da Polícia Militar foi comunicado que tinha um homem circulando com uma arma de fogo no centro de Chapadinha, e de imediato a equipe militar prendeu  Carlos Augusto da Silva, morador da localidade Buqueirão do Gado, Zona Rural de Mata Roma.
O acusado foi preso próximo a empresa Adrenalina Motos, na avenida Ataliba Vieira de Almeida, com um revólver calibre 38, com várias munições, e foi sentenciado por porte ilegal de armas de fogo.
Ele será ouvido pelo Delegado Jairo Timbó, que irá finalizar o caso na Delegacia de Polícia Civil de Chapadinha.
 
 
 
Ele estava nesta moto (foto abaixo) no momento da abordagem da Polícia. A motocicleta ficou presa na Delegacia.
 
 

Belezinha e a Verdade que Pode Afastar a Suzano

Prefeita Belezinha e André Dorf (do Grupo Suzano)
 
 
Se com as próprias dificuldades financeiras a manutenção dos investimentos da Suzano em Chapadinha já estava difícil, depois de uma trama que envolveu a ex-prefeita Danúbia, a atual Ducilene Belezinha, o secretário Luís Fernando e o executivo André Dorf (do grupo Suzano), a vinda da gigante do papel e celulose agora é quase impossível.

A prefeita Belezinha contou durante a reunião com os vereadores na segunda-feira (18 de fevereiro), que André Dorf manteve contato perguntando se ela estaria disposta a manter os compromissos assumidos por sua antecessora, que se resumiria em isenção fiscal e construção de uma estrada (que incluía obra de uma ponte de cimento) ligando a fábrica com a sede do município e uma linha de alta tensão.

Belezinha respondeu que iria se informar a respeito e depois manteria contato o executivo paulista. A prefeita teria contado aos vereadores que ouviu da ex-prefeita Danúbia e do secretário Luís Fernando que ela deveria manter a promessa independente de o município ter ou não condições de construir estrada, ponte e rede elétrica. A ideia era deixar a Suzano erguer sua indústria e depois – não havendo outro jeito – teria que fazer tais obras por conta própria.

A prefeita Ducilene garantiu aos vereadores que jamais compactuaria com a enganação e respondeu ao “manda chuva” da Suzano que o município não poderia bancar os custos, que o governo do estado também não tinha interesse e teria revelado detalhes da conversa com Danúbia e Luís Fernando.

A sinceridade da prefeita Belezinha pode servir de desculpa para desistência da Suzano e para a perda de milhares de postos de trabalho anunciados. Como eu nunca acreditei nestes empregos e sempre questionei os impactos ambientais do projeto e a forma como a empresa paulista trata os pequenos agricultores locais, acho que a prefeita fez muito bem em falar a verdade.

E você, caro leitor, o que acha disso?
 

Chapadinhenses Querem Volta de um Time no Campeonato Maranhense de Futebol

 
 
No último sábado (23), um grupo de desportistas chapadinhenses se reuniu no auditório da prefeitura para discutir a volta do futebol de Chapadinha ao cenário estadual. O encontro foi idealizado pelo ex-treinador do Galo da Chapada, Edmílson Santos e pelo secretário de Educação, Francejane Gomes.

 
Estiveram presentes os secretários municipais Tota (Esporte), Ilmar Mota (Administração), Nildinha Teles (Mulher). Levi Mota, o “Murici”, foi o único vereador a comparecer. O Major Edvaldo foi representado pelo Tenente Costa.

Santos, que foi um dos responsáveis pela criação do Chapadinha Futebol Clube, o Galo da Chapada, e técnico do time campeão da segunda divisão em 2003, relembrou por meio de slides a história do time e a paixão do torcedor, que sempre lotava o estádio Lucídio Frazão nos dias de jogos e apresentou um modelo de projeto mostrando a viabilidade financeira e os caminhos para a criação de um novo clube a fim de recolocar Chapadinha no cenário esportivo estadual.

Francejane, que sempre se mostrou um entusiasta do esporte na cidade, disse estar no encontro não como secretário, mas como desportista e se mostrou disposto até mesmo a conversar com a prefeita Belezinha em busca de apoio, mas que antes de tudo, “é necessário investir no esporte amador, que é a base de tudo, além de preparar o jovem para a cidadania”.

Como exemplo, ele citou a Escolinha Despertar Talentos, que conquistou recentemente um título no Distrito Federal. Ele lamentou a presença de apenas dois representantes do setor comercial da cidade - Heraldo, gerente da loja Novo Mundo e o comerciante Valdemar Terto - mas disse que isso não era motivo para desestimular.

Os outros secretários, que também participaram do encontro apenas como desportistas também manifestaram total apoio à criação de um clube com o objetivo de representar Chapadinha no futebol profissional.
 
Ilmar Mota lembrou dos áureos tempos do esporte amador em Chapadinha, que tinha disputas acirradas entre as principais escolas da cidade em várias modalidades, principalmente o futebol de salão e o handebol. Aproveitando a presença do ex-atleta Pelé - da Caema (foto), que chegou a Chapadinha no início da década de 1970, através do futebol amador e foi recebido como uma estrela e até hoje mora na cidade.

O vereador Murici, que já foi atleta, secretário municipal de Esportes e presidente da Liga Esportiva de Chapadinha, disse não saber o motivo da ausência dos colegas parlamentares e que “assina embaixo” para a criação do novo clube. “Se for preciso, entrarei com um projeto de incentivo ao clube na Câmara Municipal, mas sem esquecer que a base de tudo é o esporte amador. Se depender do meu esforço, o time vai pra frente”, falou o vereador.

Outras pessoas também se manifestaram e apoiaram a ideia, sempre defendendo que o sucesso de um time profissional perpassa pelo incentivo ao amador. O secretário de Esportes, Tota, anunciou que brevemente serão realizados, em parceria com a secretaria de Educação e outras secretarias, o Jogos Escolares Chapadinhenses. A secretária da Mulher, Nildinha Teles, sugeriu a criação de uma equipe de futebol feminino para representar Chapadinha em competições estaduais.

Ao final, ficou definida a data de nova reunião. Será no dia 5 de abril, na prefeitura, às 19h. Francejane e Ilmar disseram que vão convidar a prefeita Belezinha e outras autoridades para a reunião.
 

Blog do William foi Hackeado

Desde as primeiras horas da madrugada desta quinta, o Blog do William ficou fora do ar. Após contato com o Blogger, o titular do blog foi informado que a página havia sido hackeada e excluída.

Felizmente, William Fernandes conseguiu recuperá-la e mudar a senha, além de tomar alguns cuidados de seurança sugeridos pelos técnicos do Blogger.

(...)

Continue lendo a nota do blogueiro, clique aqui...

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Blogueira Jane Andrade Terá Programa Solo na Mirante Local

Nesta foto, professores (e blogueiros) Jane Andrade e Enedilson Santos, apresentam Programa do Sindchap, na Rádio Cultura FM, do qual ela se desligou.
 
A Rádio Mirante de Chapadinha anuncia novo programa, que terá no comando a professora e blogueira Jane Andrade. Com estréia no próximo domingo, dia 3 de março, o semanal "Na Mira" irá ao ar das 10h ao meio-dia, com transmissão simultânea na AM e FM. No roteiro, notícias, entrevistas, opinião e entretenimento.

SBRP: Juíza Aceita Denuncia Contra Ex Gestor

 
Todos somos sabedores de que o ex-prefeito de SBRP teve suas contas de 2006 rejeitadas pelo TCE e de que no ano passado, 2012, essas contas chegaram à Câmara de vereadores e os Nobres Vereadores aprovaram de maneira ilegítima com placar de seis a três, incluindo aí o voto a favor do então presidente da casa, Ver. Manoel Bida o qual não teria direito a voto. Vale lembrar que os volumes do processo sequer foram abertos pelos vereadores para análise.
 
Porém, o TCE, além de encaminhar seu parecer sobre as contas para a Câmara, também encaminha para o Ministério Público, que, ao contrário da Câmara Municipal tomou as medidas cabíveis oferecendo denúncia à justiça, tendo a mesma sido aceita pela Meritíssima Juíza da Comarca de Urbano Santos.
 
Vejamos a parte final do despacho da juíza:
 
"III - Da preliminar de ausência de interesse de agir Sustentou o requerido que o Ministério Público não teria interesse de agir em razão da aprovação da prestação de contas relativa ao exercício financeiro de 2006 pela Câmara Municipal, em desacordo com o parecer e acórdão do Tribunal de Contas do Estado (TCE) emitidos sobre o mesmo tema. Segundo a tese defendida pelo ora requerido, os supostos atos ímprobos deixaram de existir no mundo jurídico, pois "a conclusão do parecer técnico do TCE foi totalmente refutada pelo parecer emitido pela Comissão Permanente da Câmara Municipal" (fls. 318). Entretanto, em que pese os argumentos do requerido, esse entendimento não pode prosperar. Isso porque o art. 21, inciso II, da LIA, é claro ao estabelecer que: "a aplicação das sanções previstas nesta lei independe: I - da aprovação ou rejeição das contas pelo órgão de controle interno ou pelo Tribunal ou Conselho de Contas". Desse modo, verifica-se que o artigo 21 prevê os critérios para a aplicação das penalidades previstas da LIA, fixando, dentre eles, a completa independência de instâncias, já que a incidência das sanções são independentes da efetiva aprovação ou rejeição das contas pelo órgão competente. Essa previsão legal, tão-somente, harmoniza-se com Constituição Federal, que, em seu art. 5º, inciso XXXV, proclama que "a lei não excluirá da apreciação do Poder Judiciário lesão ou ameaça a direito". O controle exercido pelo Tribunal de Contas ou pelo Poder Legislativo Municipal não é jurisdicional, por isso que não há qualquer vinculação da decisão proferida pelo órgão de controle e a possibilidade de ser o ato impugnado em sede de ação de improbidade administrativa, sujeita ao controle do Poder Judiciário. Desse modo, igualmente rejeito a preliminar de ausência de interesse de agir. Portanto, verifico que não há qualquer razão para não receber a presente ação, já que os atos imputados ao requerido são, em tese, aptos a configurar improbidade administrativa. Nada há que faça concluir ser manifestamente improcedente a imputação, sobretudo porque as provas anexadas aos autos são insuficientes para se extrair esse entendimento. Pelas razões expostas, RECEBO A INICIAL. Cite-se o requerido para, no prazo de 15 dias, apresentar contestação, sob pena de presunção de veracidade quanto aos fatos alegados na inicial. Após, independentemente de nova conclusão, abra-se vista ao Ministério Público para réplica, no prazo de 10 dias, declinando se deseja a produção de provas em audiência.... Resp: 147637"
 
Isso mostra o quanto a Câmara Municipal de São Benedito do Rio Preto-MA não defende os interesses da população, mas sim os seus próprios.
 
Pelo que já percebemos, a atual não será muito diferente, pelo menos no comportamento que tem mostrado nesse início de legislatura.
 

ARAIOSES: Estádio Municipal Passa por Reforma

Do Blog do Daby Santos

A prefeita Valéria Leal autorizou o início da obras de recuperação do Estádio Municipal para que esse tenha condições de receber os jogos do Campeonato Maranhense da Segunda Divisão, que vai ter o Araioses Futebol Clube como um dos participantes.
 
A reforma será profunda. Tirando o muro externo que vai continuar como está, no restante haverá mudanças em tudo. Quando o estádio foi feito em 1992, na segunda gestão do ex-prefeito Jose Cardoso do Nascimento, não viram a necessidade que a obra tinha de obedecer a padrões que agora serão atendidos.
 
As cabines de rádio, por exemplo, agora vão ficar do lado das arquibancadas e a favor do sol. Do jeito que foram construídas a imprensa – rádio e televisão – tinha que encarar a forte luz do sol, em jogos a tarde, tendo dificuldade de ver o que ocorria em campo.
 
 
Manin Leal vistoria as obras do estadio
 
Manin Leal, principal articulador do projeto que visa colocar em destaque o futebol araiosense, esteve na tarde desta terça-feira (26) juntamente com Hailton de Carnaubeiras – secretário de Esporte e Lazer – e sua equipe vistoriando as obras de reformas. Ninguém melhor do que ele para liderar essa luta uma vez que ele conseguiu, como prefeito de Santa Quitéria, construir um dos melhores estádios do Maranhão e colocar o time daquela cidade em destaque no futebol nacional, com a equipe local participando da importantíssima Copa do Brasil.

Deputado Federal Domingos Dutra Denuncia Ameaças a Líder Quilombola de Brejo na Região Baixo Parnaíba Maranhense

DSC 0013Em visita à Procuradoria Geral de Justiça, na manhã desta segunda-feira (25), o deputado federal Domingos Dutra denunciou o desmatamento de Áreas de Preservação Permanente (APP) na região do Baixo Parnaíba, nos limites do município de Brejo (a 408km de São Luís) e também as ameaças de morte sofridas por uma liderança camponesa do Quilombo Depósito, localizado na referida região. Segundo o deputado, plantadores de soja que hoje ocupam a região são responsáveis pelo desmatamento e pela ameaça ao líder quilombola.
 
 
Atualmente, o camponês ameaçado está inserido no programa de proteção da Secretaria Nacional de Direitos Humanos. "Além do temor constante de morte de camponeses, a vegetação nativa da área está sendo devastada por plantadores de soja, sem nenhuma reação do Poder Público", afirmou o deputado federal.
 
 
A procuradora-geral de justiça, Regina Lúcia de Almeida Rocha, prometeu levar o assunto ao conhecimento do promotor de justiça da Comarca de Brejo, José das Chagas Leitão Júnior. O Ministério Público do Maranhão deverá também pedir à Secretaria de Estado de Segurança uma intervenção na região e comunicar o problema ao Ministério Público Federal, pois se trata de uma área quilombola, que, conforme prevê a legislação, é de competência Federal. "Nós trabalhamos em favor da sociedade. Por isso, vamos tomar as devidas providências para procurarmos uma solução para estes casos", disse a procuradora-geral de justiça, Regina Rocha.
 
 
Acompanharam a reunião a subprocuradora-geral de justiça para Assuntos Administrativos, Terezinha de Jesus Guerreiro Bonfim, o diretor-geral da Procuradoria Geral de Justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho e o diretor em exercício da Secretaria de Assuntos Institucionais, Emmanuel José Peres Netto Guterres Soares. Acompanhou Domingos Dutra o advogado Igor Almeida (foto ao lado).
 
 
Redação: Eduardo Júlio (CCOM - MPMA)
 

Prefeito de Santa Quitéria é Internado no Hospital Sírio Libanês em SP

O Prefeito de Santa Quitéria, Dr. Sebastião Moreira (foto), foi transferido da UDI Hospital, da capital maranhense, no último sábado (23), para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo.

Dr. Sebastião sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral) no dia 16 de fevereiro e foi levado por uma aeronave que partiu da cidade de Vargem Grande-MA, para a capital São Luís, onde estava internado na UTI da UDI. Depois de oito dias, a família transferiu Dr. Sebastião para a capital paulista, onde está sendo acompanha por sua filha Sâmia Moreira, esposa do Prefeito de Magalhães de Almeida, Neto Carvalho.

Segundo informações de uma de suas filhas, Lena Moreira, Dr. Sebastião já apresenta melhoras no seu quadro de saúde, que era bastante complicado, o mesmo já não está usando sonda para se alimentar, consegue falar e andar. Para Lena Moreira, a recuperação do seu pai, Dr. Sebastião, evolui bem.
 
 

Foi Liberado mais Dinheiro para o Estado e para os Municípios

Foi liberado mais dinheiro para o Estado e para os Municípios!

Somente em Fevereiro, o Estado do Maranhão recebeu da União R$ 468.820.958,52.

Já os Municípios maranhenses receberam da União R$ 531.980.150,95. Veja abaixo a parte que cada Município da região Baixo Parnaíba, recebeu deste valor transferido pela União no mês de Fevereiro.

Afonso Cunha 954.461,24
Água Doce do Maranhão 1.269.883,20
Anapurus 1.744.735,67
Araioses 3.447.516,41
Belágua 1.026.759,96
Brejo 2.974.995,51
Buriti 3.112.888,22
Chapadinha 5.345.267,28
Duque Bacelar 1.341.211,50
Magalhães de Almeida 2.102.425,84
Mata Roma 1.914.518,42
Milagres do Maranhão 819.000,59
Nina Rodrigues 1.223.302,32
Paulino Neves 1.979.948,26
Santana do Maranhão 1.291.741,04
São Benedito do Rio Preto 1.818.768,30
São Bernardo 2.455.232,98
Tutóia 4.996.259,15
Urbano Santos 2.118.456,90
Vargem Grande 4.072.039,86


Clique aqui - e confira a parte que cada Município maranhense recebeu deste valor transferido pela União no mês de Fevereiro.


Do Blog do Zé

Aula Inaugural do Cetecma é Adiada

 
 
A Secretaria Municipal do Trabalho e Renda informou que a aula inaugural promovida pelo Centro de Capacitação Tecnológica do Maranhão (CETECMA) prevista para acontecer na manhã desta quarta-feira (27), simultaneamente, nos municípios de Bacabal, Timon, Chapadinha, Caxias, Imperatriz, Pedreiras, Codó, Pinheiro, Brejo e de São Luís, foi adiada por motivo de força maior.
De acordo com o secretário, Zezinho Lima, o aviso do adiamento veio da secretaria estadual e uma nova data será marcada nos próximos dias.

O secretário aproveitou o momento para conversar com os novos alunos e fazer uma breve apresentação de como funcionará os cursos, a importância de frequentar as aulas, e o bom desempenho de cada um, que resultará no ingresso ao mercado.
 

BAIXO PARNAÍBA: Obra na Ponte de Itapecuru Causa Transtorno e Prejuizo Econômico para a Região

Trabalho em um dos lados da ponte
 
 
A empresa Marcozzi Construções Ltda que está fazendo a recuperação da ponte sobre o Rio Itapecuru, na cidade de Itapecuru-Mirim vem causando uma série de transtornos a população que precisa ter acesso a Região do Baixo Parnaíba (Chapadinha, Presidente Vargas, Nina Rodrigues e demais municípios da região), através da Br 222. Toda a circulação de veículos está sendo feita só por uma das vias, enquanto a a outra esta sendo recuperada. A ponte tem mais de 50 anos e nunca tinha passado por uma reforma.
Agonia dos motoristas pela longa espera
 
Caminhões e carros de passeio fazem um enorme engarrafamento à espera da liberação do tráfego, que em alguns momentos fica totalmente paralisado nas duas vias. A obra avaliada em mais R$ 5.472.143 milhões começou em setembro do ano passado e só deve está concluída em maio. A reclamação dos motoristas é quanto a forma que empresa vem conduzindo a obra interrompendo as duas vias durante o dia. Segundo a opinião dos motoristas o trabalho poderia ser feito à noite quando o movimento de veículos é menor.
 
Na vistoria com o vice governador
 
Apesar da reforma ser de responsabilidade do Denit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), o vice governador Washington Oliveira(PT) no momento em que passava pela ponte fez questão de saber do andamento e cobrar explicações pelo transtorno provocado pela obra. A explicação dos responsáveis pela recuperação da ponte é que determinadas operações só podem ser executadas durante o dia.
 

URE/Chapadinha: Sobre as CET's (Condições Especiais de Trabalho - Dobras)

Muitos professores da Rede Estadual de Ensino estão constatando a ausência do valor das "dobras" no salário do mês de fevereiro.
 
A Unidade Regional de Educação (URE) de Chapadinha tem sido procurada para dar esclarecimentos.
 
O sr. Gestor Regional, Jânio Ayres, buscou a resposta para os questionamentos e obteve a seguinte informação:
 
- As CET's referem-se ao período letivo do ano de 2012. Como as aulas nas escolas tiveram findo o ano letivo até o final de dezembro de 2012, o mês de janeiro não conta.
 
- Por outro lado, as CET's poderão ser renovadas, agora relativas ao ano letivo de 2013, iniciado no dia 6 de fevereiro. Contudo, estas serão pagas no mês de março de forma retroativa ao mês de fevereiro.
 
 
Jânio Rocha Ayres Teles
GESTOR REGIONAL DE EDUCAÇÃO
 
 

Prefeitura Prepara Programação para o Dia Internacional da Mulher

 
A prefeitura municipal de Chapadinha, através da Secretaria da Mulher, está preparando uma programação diversificada para homenagear as mulheres chapadinhenses no dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher.
 
Uma parceria entre as secretarias de Saúde, Igualdade Racial, Cultura e Assistência Social vai promover uma serie de atividades que incluem a entrega de título de cidadã chapadinhense; reconhecimento e valorização profissional, palestras onde serão abordados o enfrentamento à violência e saúde da mulher, realização de exames preventivos, atendimento odontológico, avaliação nutricional, danças entre outros.
 
De acordo com a secretária da Mulher, Nildinha Teles (foto), todas as atividades serão compartilhadas com as demais áreas do governo, envolvendo também toda a comunidade. “O nosso objetivo é promover um momento diferente para as mulheres do município que muitas vezes estão bastante atarefadas com as atribuições do trabalho e da família, precisam de um momento único e exclusivo para elas, queremos envolve-las em atividades culturais e de bem estar”, - disse ela.

O evento será realizado nas dependências do Aldeota Clube, durante todo o dia. A programação completa será divulgada ainda esta semana.
 

Arquivo do blog