Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Armazem Paraíba

Armazem Paraíba

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Pastoral Familiar promove evento com a temática da Campanha da Fraternidade


Com a temática "Fraternidade e a Vida no Planeta", a Campanha da Fraternidade de 2011 chama a atenção para o problema mundial da degradação do Meio Ambiente principalmente em decorrência do consumo exagerado e de hábitos nocivos ao nosso planeta.

"Em cada catástrofe, seja ela terremotos, inundações, podemos sentir o planeta gemer" (folheto informativo do evento).

Como atividade principal do evento, que foi realizado no auditório da Faculdade do Baixo Parnaíba (FAP/Cresu) contou-se com uma mesa-redonda onde foram proferidas falas e houve um rico debate sobre a problemática do Meio Ambiente. 


A Pastoral Familiar apresentou um documentário da Campanha da Fraternidade sobre a temática, destacando-se, dentre outros, o tema da Sustentabilidade.

Contou-se, ainda, com a presença ilustre do pároco Padre Neves no evento e representante da Loja Maçônica Oliveira Roma.

 
Destaca-se a fala do Dr. Fábio Miranda (Promotor do Meio Ambiente em Chapadinha), Dr. Carlos Henrique Marques (Secretário Municipal do Meio Ambiente) dentre outros. 
 

Vivo aumenta a participação no mercado de telefonia móvel na regional Norte

  No acumulado do ano, segundo os dados divulgados recentemente pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a operadora de celular Vivo aumentou a sua participação no mercado de telefonia móvel na regional Norte em quase 1% e mantém a liderança na região compreendida pelos Estados do Amapá, Amazonas, Maranhão, Pará e Roraima. 

A operadora é responsável por 38,4% do mercado na região. Ao analisar apenas o acesso à internet via celular e modem, a Vivo detêm 48,7% de participação. Se comparada com a segunda colocada na região, a Vivo cresceu o dobro em um ano e aumentou a sua vantagem na liderança em 4,76 p.p. No Maranhão, a operadora obteve 72,2% de market sharei de dados.

Na regional Norte, a operadora está presente em 234 municípios, o que representa 51,6% da população, sendo 103 com banda larga móvel, o que faz da Vivo líder neste tipo de tecnologia na região. Com a finalização do projeto Vivo Internet Brasil, ação que levará internet banda larga para mais de 85% da população do país, o sinal 3G da Vivo chegará em mais 73 municípios da região, totalizando 176 localidades cobertas. 

Para a operadora, os números comprovam o empenho da empresa em oferecer sempre os melhores serviços aos mais de 60 milhões de clientes, em todo o Brasil. Para este ano de 2011, os investimentos da Vivo chegarão a 3,4 bilhões, aproximadamente, 40% mais recursos em comparação a 2010. A maior concentração desse valor estará na ampliação da rede e em Tecnologia da Informação. Esse desempenho, para a Vivo, é resultado da busca diária para manter a excelência na prestação de serviço, com foco na qualidade em todos os pontos de contato com o cliente na transmissão móvel de dados baseada na maior e na melhor rede de segunda e de terceira geração do país.

Médicos Denunciam Fraudes no SUS em Araioses e Magalhães de Almeida

As prefeituras de Araioses e de Magalhães de Almeida foram acusadas pelos médicos Antônio Nivardo Vieira e Klecius Ramos Mota na última terça-feira (29) em reportagem de O Globo – de Roberto Maltchik (leia a reportagem na íntegra) – de incluírem informações falsas em seus cadastros de burlar as regras do Programa Saúde da Família (PSF). As irregularidades podem ser constatadas ao cruzarmos os CPFs dos profissionais de Saúde, no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde
(CNEs). 
 
De acordo com a reportagem de O Globo nos cadastros do SUS, o psiquiatra Klecius Ramos Mota, de Cocal (PI), é onipresente. Ele tem 17 vínculos, dos quais 16 seriam com o SUS em duas cidades do Piauí e um no Maranhão. Assim, sua carga de trabalho semanal chegaria a 34,14 horas diárias, sete dias por semana. 
 
Já o médico Antônio Nivardo Vieira trabalharia 21,7 horas diariamente, com seus 13 vínculos e 152 horas de trabalho semanais. Tanto Klecius quanto Nivardo possuem os vínculos de 40 horas semanais com o Hospital Regional de Araioses, no Maranhão. O município é administrado por Luciana Marão Trinta (PSDB) esposa do ex-deputado federal Remi Trinta
 
Antônio Nivardo disse a O Globo que há oito anos não pisa na unidade, apesar de o cadastro ter sido atualizado pelo município no último dia 17. Segundo ele, trata-se de um jogo de Araioses para ganhar mais dinheiro do SUS. “Quando é para renovar o cadastro junto ao SUS, eles têm que ter a equipe para poder apresentar. Aí, usam indevidamente o nome da gente para fazer esse tipo de coisa”, disse o médico. Nivardo revelou ainda que seu nome também aparecia na Apae de Magalhães de Almeida. “Nunca fui lá”, assegurou o cirurgião. O prefeito municipal é Neto Carvalho (PMDB). O Ministério Público Federal (MPF) no estado investiga a fraude.

Agência do SINE é inaugurada em Chapadinha


No aniversário de 73 anos da emancipação política de Chapadinha, comemorado nesta terça (29), a população recebeu um presente que há muito tempo esperado pelo município: a entrega da Agência de Trabalho do Sistema Nacional de Emprego (Sine), numa iniciativa da Secretaria de Trabalho e Economia Solidária, que firmou convênio com a Prefeitura Municipal para a implantação do serviço.

A agência de Chapadinha é a primeira instalada na região do Baixo Parnaíba e vinha funcionando em caráter experimental desde julho de 2010. Com a entrega oficial, ela passa a fazer parte do Sistema Público de Geração de Emprego e Renda (SIGER) do Ministério do Trabalho, tendo integração total ao Sine.


A equipe de trabalho está devidamente treinada para realizar atendimento ao trabalhador, intermediação de vagas de emprego, inserção de dados no sistema interno, recepção de seguro-desemprego e, em breve, emissão de Carteira de Trabalho.

A unidade do Sine em Chapadinha será gerida pela Secretaria Municipal de Trabalho e Renda. “Este era um anseio antigo de nossa cidade e também de toda nossa região”, ressaltou o secretário municipal de Trabalho e Renda, José Lima.

De acordo com o secretário de Trabalho e Economia Solidária, José Antônio Heluy, pelo crescimento econômico evidenciado nos últimos anos, o município de Chapadinha já merecia a instalação da Agência do Sine. “É a garantia de que os chapadinhenses serão atendidos pelas políticas públicas de trabalho e renda em sua plenitude, com prioridade para empregos de carteira assinada e programas de qualificação profissional”, assegurou o secretário.

Como primeira tarefa da equipe, um empreendimento do setor de móveis e eletroeletrônicos que se instala na cidade já começa a recrutar mão de obra por meio do Sine de Chapadinha. Há vagas para gerente de loja, vendedores, analista de crédito, auxiliar administrativo, dentre outras. Para concorrer às vagas, o interessado deve dirigir-se ao Sine para se cadastrar, portando carteira de trabalho e documentos pessoais, além de comprovante de escolaridade. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (98) 3471-2639.

Título de Cidadão
Nas comemorações do aniversário da cidade, a Câmara Municipal de Chapadinha concedeu Título de Cidadão Chapadinhense a pessoas que contribuíram para o desenvolvimento do município. Um dos agraciados foi o vice-governador do estado, Washington Luiz, que tem uma relação antiga com a região.

Minhas caminhadas políticas já me trouxeram muitas vezes a essa terra e agora essa nossa proximidade foi formalizada e estou muito grato por esse reconhecimento”, discursou emocionado, o vice-governador. A solenidade foi acompanhada por José Antônio Heluy e pelo secretário da Juventude em exercício, André Campos.

Conhecida como Princesa do Baixo-Parnaíba, Chapadinha apresenta grande vocação para o comércio regional, com ênfase no varejo. Um dos pontos fortes do município é a logística já implementada para o cultivo de eucalipto, o que tem atraído o interesse de produtores de papel e celulose, dentre eles, a Suzano.

Atualmente a Suzano está instalando uma fábrica em Imperatriz e já estuda a construção de uma terceira unidade fabril na região de Chapadinha.

Lavrador é atropelado na Ananias Albuquerque

O lavrador Francisco dos Santos, de 64 anos, residente no Bairro Areal, foi atropelado na tarde desta quinta-feira (31/mar), na Rua Ananias Albuquerque, em frente à Funasa (extinta Sucam), por um motociclista que conduzia uma moto Yamaha e, segundo testemunhas teria evadido-se do local.

Francisco foi retirado da pista e colocado na calçada, aparentemente desacordado. A Polícia Militar foi ao local e, minutos depois, uma ambulância do Hospital Regional Antonio Pontes de Aguiar-HAPA, chegou para fazer a remoção da vítima. 
 
Funcionários do HAPA informaram que, quando tentaram colocar o lavrador no carro ele se levantou e começou a tentar acertá-los com chutes e xingando bastante, aparentando embriaguês.
 
Post resumido. Continue lendo no Blog do William

Prefeito de Afonso Cunha é expulso do PCdoB

Em reunião ocorrida no último sábado (26/mar) , o Diretório Estadual do PCdoB decidiu, por unanimidade, expulsar o prefeito de Afonso Cunha, José Leane (foto). O Comitê acatou parecer da Comissão de Ética do partido que considerou falta gravíssima o apoio que o prefeito deu à Roseana Sarney (PMDB) nas eleições de 2010, em detrimento da candidatura de Flávio Dino.

O processo de expulsão de Leane foi aberto dia 10 de fevereiro. O partido argumentou que a votação obtida por Roseana em Afonso Cunha – 2.562 votos – foi o suficiente para que não houvesse segundo turno, haja vista que o candidato do partido, Flávio Dino, teve apenas 525 votos.

Fonte: blog John Cutrim

quinta-feira, 31 de março de 2011

GAROTA CHAPADINHA 2011

Clique na imagem para ampliá-la

Vem aí mais um grande evento com a marca, já consolidada no ramo, D&C Publicidades. Estamos nos referindo à Festa GAROTA CHAPADINHA 2011 - a ser realizada no próximo dia 23 de abril (Sábado de Aleluia!)

Segundo os organizadores, a noite contará com super iluminação e passarela desmontável, sendo assim, logo após o evento a dupla Pedro & Nato, que é a última sensação do momento (na capital São Luís) do sertanejo universitário.

Ainda de acordo com os organizadores, o evento contará com a participação de 15 Candidatas e a Pré-Seleção será marcada em breve. As mais lindas garotas de Chapadinha estarão abrilhantando esta festa e pra finalizar, Dj. Gilberto, agitará a noite!

Em breve, aqui neste blog, você (leitor) poderá conferir fotos das candidatas ao Garota Chapadinha  2011.

RESERVA DE MESAS (98) 9122-2516  

Confira abaixo, a 1ª Relação de Jurados Convidados

Tércia - Compra Premiada Eletro Barros    
Virgínia Gomes Silva - SS Loterias  
Zé Baleco - SS Veículos  
Acyr de Sousa Carvalho Filho - Wizard    
Carla B Carvalho - Wizard  
Creuza Lopes - Churrascaria Coma Bem    
Délio de Carvalho Nascimento - Prisma       
Eduardo Sá (Presidente da Mesa) - Emflora  
Francisca Aguiar - Vereadora    
Márcia Gomes - Vereadora   
Magno Bacelar - Deputado    
Belezinha (Ducilene Pontes de Meneses) - Empresária 
Danúbia Carneiro - Prefeita Municipal    
Padaria Pão Dourado  
Miqueias Nunes

CIDADE ALTANEIRA

*por Robson Silva (foto)

Cidade altaneira
Em linhas retas precisas ser
Completas mais um ano que testemunha o relógio biológico do tempo
Não é nova nem velha
És inteira
Tua idade inventada pelos homens não corresponde à grandiosidade de tua magnífica geografia, que irradia
 

Cidade altaneira
Tua imagem está estampada no fervor das ruas, das calçadas nuas
Das praças públicas, dos becos estreitos em cada adereço e endereço
Nos canteiros desajeitados onde se esconde tua flora bela e doce
Nas crianças negras e brancas, pobres e ricas, tímidas e audaciosas
Nas mães que acalentam seus filhos e nos filhos que procuram suas mães
 

Cidade altaneira
Teus desejos dissecados
Deleitam-se em cada rosto dos teus filhos amados
Teus filhos amados sendo amados
Tu terás um rosto nobre almejado
 

Cidade altaneira
Teu progresso permanece vivo e pronunciado
Mas com passos lentos e cadenciados
Ainda não foram alcançados
Pedimos-te perdão pela mera presença
Sem engendrar um olhar profícuo
Que tantas vezes só profiglou tua imagem
Fazendo-te descer diante do espelho
 

Cidade altaneira
Teu voo quer ir longe
A timidez embaçada
Faz-te embocar num leito largo desconhecido
Onde as lágrimas se desconhecem, o riso se cala e a razão se confunde
 

Cidade altaneira
Tu tens afeto de mãe que acolhes todos os homens
E fazes deles filhos teus
Tua história penetra nas veias e na alma de cada ser que por ti passou
 

Cidade altaneira
Tua forma, teu corpo, relevos e chapadas
Misturados à multidão que transborda vitalidade
Multidão sem recuo no riso
Quer fazer de ti um pequeno paraíso preciso, com juízo e otimismo
Uma grande nau 


Acesse e conheça o Blog Linguagens & Rotinas (clique aqui) - de Robson Silva

*Robson Silva é professor, poeta e músico.

Danúbia assina termo de Adesão aos JEMs 2011

Santos 
A prefeita Danúbia Carneiro assinou, na tarde desta quarta-feira (30), a pedido do secretário municipal de Esportes, Edmílson Santos, o Termo de Adesão aos XXXI Jogos Escolares Maranhenses. O prazo para os municípios interessados em participar dos JEMs 2011 terminou nesta quarta-feira.

De acordo com Santos, Chapadinha vai realizar os jogos municipais nas modalidades futebol de campo, futsal, basquete, volei e beach-soccer.

Na semana que vem, o secretário irá a São Luís, onde participará de um evento que marcará o lançamento oficial dos XXXIX JEMs. Após este evento, Santos irá visitar as escolas convidando-as a participarem da etapa municipal, o "V JECs - Jogos Escolares Chapadinhenses".
 

Festa e Protesto Marcam Aniversário da Cidade

Enquanto a programação oficial optou por um tom mais cívico, a oposição preferiu o protesto e a irreverência.

Na frente da Prefeitura houve a tradicional alvorada com as hasteamento das bandeiras e execuções dos hinos do Brasil, Maranhão e Chapadinha. Embora ainda tenha havido desfiles de escolas e inaugurações, o principal evento foi mesmo a sessão solene de entrega do título de cidadão Chapadinhense a algumas personalidades, entre as quais destaca-se o vice-governador do estado Washington Oliveira (foto de cima). À noite ainda teve um jantar no Parque AquáticoTorres do Sol, para convidados da prefeita Danúbia Carneiro

Os manifestantes, em número muito reduzido – segundo avaliação dos próprios participantes (foto abaixo), percorreram as principais ruas do centro reclamando da administração municipal, o alvo principal foi a situação da Saúde.


Fotos de Willian Fernandes e Chapadinha Anúncios

A Agonizante Ficha Limpa

*Por: Almir Moreira – Advogado 

A justiça tarda mais não falha, dizem. Acho que só em tardar já é uma injustiça, refiro-me ao tardar por desleixo ou por conveniência. Embora tardiamente o STF pronunciou-se a respeito da Lei alcunhada por Ficha Limpa ou Ficha suja, como queiram, aprendi que Lei tem número e não nome, e vaticinou a Lei não valeu para o pleito eleitoral passado.

Antes, cabe enforcar, a tal lei é de boa iniciativa. É a criação de um instrumento legal apto a contribuir para moralização na política. A conquista recente da democracia aliada ao crescimento econômico expansivo, mas ao mesmo tempo concentrador de riqueza contribuiu para o aumento significativo da participação de outros atores na política partidária vendo esta como um nicho de mercado. Trata-se de uma contradição inerente ao capitalismo: o estado é democrático e liberal, mas apropriado subliminarmente por um setor com vistas a continuamente se reproduzir enquanto dirigente econômico e político. Como não pode mais fazer pela força, faz através dos instrumentos e instituições do Estado, assim se elege custe o que custar prefeitos, governadores, vereadores, deputados e etc... A corrupção em seu sentido lato campeia, só através de Leis do espírito desta e de uma reforma política eleitoral profunda poderemos diminuir ou inibir este distúrbio.

Porém, isto não pode ser feito de forma atabalhoada, ninguém agarrado numa corda prestes a se partir pendurado num penhasco vai se salvar se a ele for atirado uma embira. Só outra corda renovada irá salvá-lo. A vontade de moralizar é tamanha, que de forma precipitada foi editada uma lei, que antes de proteger o bem jurídico a que se pretende, espalha insegurança jurídica por todos os lados e se não vivêssemos sob a democracia diríamos ser ela típica de regimes despóticos. 

A Lei menor não pode contrariar a maior, elas precisam estar em consonância. Neste sentido, a tal “ficha limpa” nasceu agonizante, de uma tacada só atingiu princípios básicos previstos da lei maior, a Constituição, como: principio da presunção de inocência, ninguém pode ser considerado culpado até que tenha transitado em julgado a sentença sobre seu caso, a lei não pode retroagir para prejudicar ou no caso eleitoral a lei só é válida um ano após sua edição, principio da anualidade. Afora outros aspectos questionáveis, majoração do prazo de inelegibilidade e inelegibilidade para os profissionais punidos com pena máxima por suas entidades de categoria (classe), por exemplo.

Foi neste contexto, sua flagrante inconstitucionalidade, que propiciou a rebelião de alguns do mundo jurídico e político. Nada mais se fez ao não ser gritar pelo respeito à Constituição, pois a vigência dessa lei pode abrir brechas na estrutura constitucional e provocar a edição de outras não menos casuísticas. A Constituição é o verdadeiro pacto social, e a nossa trouxe avanços inimagináveis que merecem a proteção de todos nós, principalmente dos que atuam no campo democrático, ela é a nossa real proteção contra o abuso de poder e a falta de liberdades ocorrida ao longo da Colônia e da República. O STF ainda não decidiu por completo, não se posicionou sobre outras questões relativas à constitucionalidade, mas já a freou e interrompeu seus efeitos para o pleito passado, o fez tarde, mas fez.  A pressa ou a hipocrisia por setores da sociedade, ao invés de contribuir para a moralização e reativar a esperança no Povo contribuíram para desanimá-lo, o senso comum é o de que tudo não tem jeito mesmo. Basta uma derrapada para se pensar assim. O espírito da Lei é bom, pode fazer parte de um arsenal legal para moralização da política, mas é necessário percorrer o caminho legal, apoiado no que diz a própria democracia para que a insegurança jurídica não ganhe corpo.

Nós desde o inicio comentávamos sobre o tema, não fomos com a turma “Maria vai com as outras”, Alexandre Pinheiro foi corajoso em levantar o debate e expor sua posição, e continuamos a dizer há inconstitucionalidade em outros aspectos da lei. Lamento entidade do naipe da OAB rasgar a Ciência do Direito, deixar de ser fração mais resoluta do movimento social estabelecido para este fim e correr atrás de padre, sindicalista e ingênuo de todo tipo. A sociedade não pode e não deve sentir-se derrotada, ao contrário, postulado democrático assentado na Constituição foi reconhecido, e a Lei em si, embora de técnica jurídica capenga, vai terminar por ser reformulada para aí sim, atingir o fim a que se propõe.
 
*Artigo extraído do Blog do Alexandre Pinheiro

quarta-feira, 30 de março de 2011

Imagens do Aniversário de Chapadinha - 73 Anos! - Parte 1







 

73 ANOS: PARABÉNS CHAPADINHA!

Herbert Lago
MINHA TERRA, MEU LUGAR! .
Eu gostaria de ter o dom
de expressar em palavras
tudo que sinto por você.
Mas como explicar com palavras
algo que se sente tão profundo?
cada estação do ano tem o seu perfume,
o seu encanto.



A despeito de todos os maus tratos e descasos.
Parabéns por este dia tão grandioso!
Setenta e três anos!
Por isso estamos em festa,
para te dizer OBRIGADO por você existir.
Parabéns! Chapadinha, minha terra meu lugar.


Herbert Lago Castelo Branco - Cidadão, Poeta e Escritor Chapadinhense
www.herbertlago.blogspot.com

Grave acidente: três garotas caem da carroceria de uma picape e sofrem graves ferimentos


Três jovens que estavam na carroceria de uma picape Nissan Frontier, caíram quando, segundo uma delas nos informou, o condutor foi desviar de outro veículo que andava em sentido contrário. As vítimas foram: F. C. C., 17 anos, moradora da Rua da Pedreira, Campo Velho; Lidiane da Silva Melo, 19 anos, natural de Coelho Neto, também residente na Rua da Pedreira e Estela Carvalho Bastos, de 20 anos, moradora da Rua Gustavo Barbosa, Bairro Corrente.

A menor de idade, disse que elas estavam no Espaço Vemasa, por voltas das 21h, quando foram convidadas para beber em outro local. Ela disse que teria recusado, mas a outra colega aceitou e elas saíram com alguns rapazes na carroceria do carro que tem uma caixa de som.

De lá eles foram beber em um bar no aeroporto. Ao retornar, as garotas disseram que queriam ficar no Bar do Gaúcho, mas o motorista passou direto. O veículo estava em alta velocidade, com o som muito alto e, por isso, quem estava na cabine não ouvia os gritos das meninas que pediam para o motorista diminuir a velocidade.

Quando passaram pelo quebra-molas que fica próximo ao Parque Aquático Torre do Sol, o motorista foi desviar de um carro que vinha em sentido contrário, quando aconteceu o acidente e as três garotas caíram no asfalto. Elas disseram que o motorista do carro em que andavam não parou para socorrê-las e, que, somente quando um carro que saía da Torre do Sol encostou para ajudá-las, foi que apareceu um rapaz, que estava na carroceria do veículo junto com elas, apareceu querendo saber como elas estavam.
 
As garotas foram levadas ao Hospital Regional Antonio Pontes de Aguiar-HAPA, pelo diretor do Mercado Central de Chapadinha - Mourinha Lopes. Elas choravam muito e sentiam fortes dores. Há suspeita de fratura na perna de Lidiane, que trabalha no Hotel Blumar 2.

terça-feira, 29 de março de 2011

O Ministério Público e suas prioridades

Segundo o Site do Ministério Público do Maranhão (seção "Institucional/Sobre o Ministério Público"),


"Ministério Público é o órgão Estatal que tem como função principal zelar pela boa aplicação da lei, pela ordem jurídica e pelo estado democrático de direito e foi criado para defender os interesses da sociedade. Cabe-lhe, enquanto um agente de transformação a serviço da cidadania, dos interesses sociais e da democracia, tomar providências para que se cumpra a lei, por exemplo, quando um grupo de pessoas, a comunidade ou a própria sociedade se sente lesada em algum de seus direitos garantidos por lei."


São inúmeras as atribuições do MP, dentre elas proteger o patrimônio público e social, o meio ambiente e defender os interesses dos indígenas, por exemplo. Mas desde sua consolidação, com a constituição de 88, O MP sempre representou algo mais para a sociedade. A imensa maioria da população vê os membros do MP como advogados do povo! Isso mesmo! Aqueles que irão nos proteger, caso nossos direitos sejam violados - principalmente pelos "poderosos"! Ai de vocês "poderosos", pois não estamos sozinhos: O Ministério Público está de prontidão para nos defender!

Às vezes, até esquecemos de que a principal função do MP não é nos defender - mas sim, zelar pelo cumprimento das leis. Doa a quem doer! Aos poderosos, ou a nós...

Escrevi este texto ao tomar conhecimento de que o MP de Chapadinha vai apertar o cerco contra os infratores da cidade. Leiam uma matéria sobre o caso no Blog do William (clique AQUI). Ela diz que, dos infratores de trânsito aos logistas que expõem mercadorias nas calçadas, ninguém será poupado. E se engana quem pensa que só o MP de Chapadinha faz com que a população, em geral, cumpra todas as leis! Isso é corriqueiro em todas as comarcas. É um dever do Ministério Público. Ao tomar essas providências, o MP está cuidando do interesse coletivo, ou seja: dos nossos interesses!

Não vou me estender aqui explicando como um trânsito organizado ou vias de pedestres livres beneficiam a população. Basta usar o bom senso (ou recordar os últimos acidentes acontecidos na cidade) para prever as melhorias.


Porém, em todas as vezes que vejo o MP intensificar a fiscalização entre a população, várias perguntas me vem à mente.

Por exemplo: Que critérios seriam utilizados pelo MP para priorizar o combate a esta ou àquela violação da lei? Talvez, o tamanho do prejuízo que a "violação" possa vir a causar, com o decurso do tempo? Nada mais justo que aquelas que pudessem causar mais danos fossem combatidas primeiro! Mas justiça - como o povo a conhece - parece não ser a prioridade do MP.

Senão vejamos: Seria justo um "pequeno" infrator receber sua punição enquanto um "grande" infrator fica impune? Seria justo cobrarmos de um motociclista o uso do capacete antes de cobrarmos do poder público TODAS as sinalizações obrigatórias na cidade? Ou a restauração das vias urbanas e estradas vicinais? O mais coerente seria que pequenos e grandes trangressores fossem punidos ao mesmo tempo, mas como o MP não dispõe de tempo e pessoal para agir contra todos de uma só vez, acho que deveria prevalecer o dito popular: dos males, (prefira) o menor!


Imagem: Blog Interligado
Em Chapadinha uma uma criança foi dada como morta no hospital e, durante seu velório, a família percebeu que ela ainda vivia - porém já era muito tarde e, por falta de atendimento adequado, o bebê realmente veio a óbito (foto ao lado).


E, enquanto você está lendo este artigo, minha avó materna encontra-se internada no Carlos Macieira, em São Luís, tratando de um sangramento no esôfago, até o momento, não diagnosticado. O que isso tem a ver com o assunto? Acontece que, durante o translado até a capital, ela teve que passar uma noite no hospital de Itapecuru-Mirim se recuperando de uma medicação errada prescrita em Chapadinha (em breve posto em qual hospital).


Enquanto muitos casos parecidos acontecem, o MP concentra seus esforços na retirada dos camelôs - muitos deles contraventores, mas, acima de tudo, trabalhadores - das praças e esquinas do centro. Vai entender...!


Imagem: Blog Interligado
Para quem não sabe, passo a maior parte do tempo em Vargem Grande e, até hoje, ouço piadas sobre a Av. Ataliba Vieira de Almeida. Agora, recém restaurada, vejo crateras se abrindo novamente. É triste! E a Av. Presidente Vargas? Sem comentários. Vai ver que foi pelo risco de trafegar na Presidente Vargas que as autoridades resolveram exigir capacete até do carona.


Não vou falar aqui sobre a educação. Nem sobre a falta de saneamento em Chapadinha. Não adianta, pois nunca vou entender o porquê de o MP parecer sempre mais preocupado com "infrações menores", enquanto deixa de lado (ou para depois, sei lá...) as de maior poder ofensivo à sociedade. E quero deixar bem claro que não me refiro, aqui, somente ao Ministério Público de Chapadinha, apesar de ter usado nossa cidade como exemplo.

Dr. José Márcio
Ainda bem que existem promotores que trabalham diferente. Dentre eles, Dr. José Márcio Maia Alves, atualmente na Comarca de Barreirinhas. Em 2006 tive a honra de participar de 3 dias de palestras, ministradas por Dr. Márcio (na época promotor de Urbano Santos) e outros promotores. O objetivo foi orientar a população sobre quais eram e como defender seus direitos perante a adminidtração pública. "Nossos advogados", literalmente, ensinaram o povo QUANDO e COMO denunciar! Este tipo de iniciativa, sim, deveria ser corriqueira entre todos os outros representantes do MP, mas infelizmente...


Por falar em Dr. Márcio, no dia 24 de janeiro ele deu entrada em, nada menos, que 840 processos contra grileiros (pessoas que se apropriam de terras alheias, geralmente utilizando documentos falsos), em Barreirinhas. Pelo jeito, ele não mudou nada!


Gostaria de salientar, por fim, que não será infringindo normas que iremos mudar nossa sociedade para melhor. Usemos, pois, capacetes - como determina a lei! E obedeçamos às determinações do Ministério Público, mesmo sem entender muito bem porque alguns são cobrados, enquanto outros, que parecem causar mais danos à sociedade, continuam impunes.

Jonnay Alves -  Blog Chapadinha Online

Escola Carolina Mesquita aniversaria junto com Chapadinha



A escola municipal Unidade Integrada Carolina Mesquita, localizada no Bairro Corrente, completa 10 Anos de fundação nesta terça, 29 de Março, mesmo dia do Aniversário de Chapadinha. Para celebrar a data, a direção da escola realizará uma programação, a partir das 8h, conforme a seguir:

PROGRAMAÇÃO

§  Hastear as bandeiras – Brasil, Maranhão, Chapadinha e da Escola.
§  Cântico dos Hinos – Nacional e Chapadinha
§  Histórico da Escola
§  Bênção
§  Apresentações dos alunos
§  Cântico/ Parabéns.

CONVITE                   

A Gestora Aline Almeida e funcionários têm a honra de convidar toda a comunidade escolar para participar do aniversário da Unidade Integrada Carolina Mesquita de Araújo que realizar-se-á dia 29 de março a partir de 8h, na própria escola.

Jovem sofre acidente de moto no Bairro Areal

No último domingo (27), um jovem de nome Jânio, que pilotava uma moto, na Avenida Raimundo Oliveira, no Bairro Areal, perdeu o controle do veículo e caiu. Ele quebrou um braço e sofreu  ferimentos na cabeça.

Jânio foi socorrido por populares que passavam pelo local que o levaram ao Hospital Regional Antonio Pontes de Aguiar-HAPA.


domingo, 27 de março de 2011

Assembléia Regional de Chapadinha Aprova Manuntenção da Greve


Regional de Chapadinha decide por unanimidade, em Assembléia Geral, realizada na última sexta-feira (25) pela manhã, na sede do SINDCHAP, manter a greve. Durante toda manhã os professores discutiram sobre o movimento e as ações que o SINPROESEMMA vem adotando diante da não negociação por parte do governo.


Esteve presente na Assembléia o Secretário de Comunicação do Sinproesemma,o professor Júlio Guterres que conduziu as discussões para o encaminhamento da votação da Assembléia dos professores.


A Assembléia contou ainda com a participação de professores representando vários municípios, dentre quais, Anapurus,Santa Quitéria, Mata Roma, Brejo, Buriti e São Bernardo.

Segundo Júlio, 80% dos servidores estão em greve no estado, explicou que a greve é legítima e que o advogado do Sinproesemma já entrou com um recurso no STF. Guterres explicou ainda que a greve no serviço público é um direito e está garantida na Constituição Federal, em seu artigo 9º e artigo 37,VII garante o direito de greve a todos os empregados,portanto,todos os professores, mesmo os recém nomeados, não há nada na Lei que proíba o servidor de um direito constitucional.


Sobre os 30% reclamados pelo desembargador Marcelo Carvalho, esta claro que a educação "NÃO" é serviço essencial, porque não causa dano irreparável à população. Os serviços essenciais estão descritos no artigo 11 da Lei de Greve (lei nº 7.783/1989).
Uma outra questão discutida foi sobre um possível desconto de salário em função das faltas,mas sobre isso Júlio Guterres falou que a própria LDB nos proteje, porque cortando o ponto o servidor não é obrigado a repor aulas e é obrigação do estado um mínimo de 200 dias letivos, sem os dias letivos o estado passaria a perder, de acordo com a Lei do Fudeb.

No final da Assembléia foi comunicado a ida de caravana do interior do estado para São Luís no próximo dia 29/03/2011, para uma grande manifestação.

No dia 30/03/2011 membros da diretoria do SINPROESEMMA estarão em Santa Quitéria para reunião professores.

Conflitos na localidade Coceira estariam sendo incentivados pelo prefeito de Santa Quitéria

Imagem da Fazenda Coceira

Relatos de populares levam a crer que Manim e um homem identificado como Lourival, da Suzano, estariam por trás dos conflitos

As opiniões sobre os conflitos na localidade Coceira, município de Santa Quitéria (distante 101 km de Chapadinha), se divergem. Estivemos naquela localidade e adjacências para esclarecer os reais motivos que levaram a comunidade a travar conflitos com um sojicultor local, o empresário Gilmar Lunelli de Freitas da empresa Masul.

O local em conflito é pertencente ao empresário acima citado e tem sede em Chapadinha. A área abriga a fazenda Coceira que, com base em licenças adquiridas por meio da SEMA, Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, desenvolve projeto agrícola com autorização para supressão da vegetação e com devida destinação do material lenhoso.

Desde o inicio das atividades os responsáveis pelo projeto estiveram visitando a comunidade em questão, repassando detalhes dos procedimentos futuros e obtendo aceitação de boa parte dos moradores. No entanto, após supostas visitas do prefeito de Santa Quitéria Maninho Leal, a situação começou a mudar.
Na localidade poucos falam. Aparentemente boa parte dos moradores temem algum tipo de represália. Os poucos que se dispuseram a conversar conosco, como o senhor Manoel Leitão, deixam claro que por trás de uma aparente revolta, “patrões” ditam as regras 

DISPUTA POR TERRITÓRIO – A empresa Paineiras, ou Suzano, apontada por vários órgãos e entidades como principal grileira de terras no estado, detém nessa região enorme quantidade de terras. Nesse blog já mostramos falsificações de títulos e até mesmo da assinatura da governadora do estado, Roseana Sarney. Mecanismos usados pela indústria para expulsar poceiros de suas terras, apoderando-se do chão do sertanejo. (veja AQUI)

Curiosamente a Suzano tem ao lado da área que estaria em conflito, um grande plantio de eucalipto, matéria prima usada na fabricação de papel e celulose. 

Em relato o senhor Manoel Pinheiro Leitão afirma que logo que a Masul iniciou os trabalhos naquela área, ele foi surpreendido por um senhor identificado como Lourival, irmão de Denerval, suposto gerente da Suzano no baixo Parnaíba. Segundo Manoel, Lourival estava acompanhado de dois homens fortemente armados em uma caminhonete e que a ele proferiram ameaças. Os homens pertenciam a uma segurança privada de São Luís, que presta serviço ao grupo Suzano papel e celulose.
Manoel Leitão disse que após informar que estava trabalhando para o senhor Gilmar, Lourival o indagou se ele não sabia que ali era uma área de conflito, informando que a polícia iria ao local, prenderia os tratores que estivessem em operação e que tudo seria destruído.

SUZANO x MANIM – em toda a comunidade é unanime, apesar de alguns negarem, a informação que o prefeito de Santa Quitéria teria tido sua última campanha eleitoral financiada pela Paineiras. Em troca o prefeito teria que manter as comunidades a favor das ações executadas pela empresa e contra a ação de terceiros, mesmo que dentro da legalidade.

Ainda segundo populares da Coceira e localidade Facão, é comum o repasse de pequenos valores financeiros a moradores dessas comunidades, pelo prefeito. Esses em troca de favores e controle sobre os mesmos.

A postura do prefeito e seus aliados é algo que também chama atenção. Dias antes de dois tratores serem incendiados Manim, acompanhado de seu vice, secretários e um parlamentar daquela cidade, teriam danificado partes mecânicas das máquinas, perfurado filtros entre outras peças. A ação foi de total vandalismo.

INCÊNDIO – Dois tratores foram incendiados. Um deles teve perda total, segundo os responsáveis. A ação criminosa ocorreu logo que o vigilante das máquinas saiu para ir rapidamente a sua residência. Ao retornar o pior já havia ocorrido.
O vigilante era o senhor Francisco Leitão, ou Chichico Leitão, como é conhecido. Ele relata que não havia sinais de trafego de veículos automotores no local, o que leva a crer que os responsáveis moravam próximos e foram à fazenda Coceira a pé.

Estivemos na delegacia de Santa Quitéria para obter informações das providências que estão sendo tomadas pela polícia, quanto ao caso. Fomos previamente informados que a juíza que responde por aquela comarca, Dra. Elaile Silva Carvalho, ordenou a abertura de inquérito policial, a fim de identificar os autores do crime.
ASSOCIAÇÃO DE MORADORES – Agora um fato bem interessante. O senhor Deusimar Rodrigues é o presidente da Associação de moradores da localidade Coceira. Ele se negou a dar entrevista sobre os conflitos, apesar de ser apontado por membros da comunidade como autor de uma denúncia na delegacia de Santa Quitéria.

A suposta denuncia resultou na apreensão de armas “bate-bucha”, utilizadas por caçadores locais e detenção do gerente da fazenda Masul, Juliano Martins da Silva. Na suposta denuncia constaria a informação de que grupos armados estariam intimidando as comunidades locais, o que não foi constatado pela polícia.

As escondidas dei inicio a uma conversa com o líder comunitário e de “cara”, Deusim, como é chamado, afirmou que eu deveria procurar o prefeito de Santa Quitéria, não ele. Perguntei então se era o prefeito o responsável pelo que estava acontecendo e meio sem jeito, Deusimar mencionou que achava que era isso que eu deveria fazer.

A conversa com o presidente da associação de moradores da comunidade foi um pouco tensa e ele demonstrou está inseguro em suas palavras. Deusimar nega ter sido autor de denuncia, assim como desconhecer o possível envolvimento de incentivadores no conflito.

Antes de conversar com o senhor Deusimar alguns moradores já haviam relatado que ele, junto com outros membros da referida associação, seriam contra a atividade da fazenda Coceira, mesmo após a fazenda ter cercado uma área onde há o plantio da cultura de arroz, impedindo a entrada de animais criados soltos por alguns dos membros daquela comunidade, evitando assim conflitos.

Por fim, o presidente da referida associação de moradores fez declarações comprometedoras. Questionado sobre possíveis responsáveis pelo incêndio nos tratores, ele então disse:

“- Eu nunca juntei aqui minha associação, meu povo, e digo povo umbora brigar lá com o Gilmar, vamos. Vamos parar os trator dele, ou então queimar trator, não. Isso aí seu Deusimar não faz e não fez, e faço! Isso aqui eu lhe digo e digo e provo. Eu faço se o homem passar da estrada pra cá, nós faz. Faz por que nós tem ordem”.

Encerrando nossa conversa perguntei quem teria dado essa ordem, a resposta: “- nós tem ordem judicial”.

Pelo que todos acompanharam a situação é bastante controversa.

Populares afirmam ter ouvido do vice-presidente da associação de moradores da Coceira, o senhor Antonio Chagas, dias antes dos tratores serem incendiados, que o prefeito daquela cidade iria atear fogo nas máquinas, ou eles iriam. A afirmação desse morador leva a crer que por trás de uma falsa revolta de populares, existem interesses políticos, comandados pelo prefeito Maninho.

A situação é tão preocupante que fez com que o deputado estadual Marcos Caldas ingressasse na AL com um pedido de criação de uma CPI, para investigar a aquisição ilegal de terras no baixo Parnaíba.

A Atitude é extremamente louvável, mas para alguns sojicultores o deputado deve focar também o papel da Suzano nessa história. Para eles a Suzano é que é a verdadeira grileira de terras, a empresa está há mais de 20 anos grilando áreas na região.

Antenor Ferreira - Blog Interligado

Arquivo do blog