Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Armazem Paraíba

Armazem Paraíba

sábado, 14 de novembro de 2009

TCU Detecta Irregularidades em Contratos da Prefeitura de Chapadinha (MA)

O Tribunal de Contas da União (TCU) condenou o ex-prefeito de Chapadinha (MA) Magno Augusto Bacelar Nunes (foto), a devolver R$ 170.419,30, valor atualizado, ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

O ex-prefeito não comprovou a boa e regular aplicação de recursos públicos federais destinados ao Programa de Formação Continuada de Docentes do Ensino Fundamental. Além disso, os instrutores dos cursos não tinham habilitação profissional para ministrar as aulas. Citado pelo Tribunal, Magno Bacelar não apresentou defesa.

O ex-prefeito terá ainda de pagar multa de R$ 5 mil ao Tesouro Nacional. A cobrança judicial da dívida já foi autorizada. O TCU remeteu cópia da decisão à Procuradoria Geral da República no Estado do Maranhão para que sejam tomadas medidas civis e penais possíveis. O relator do processo foi o ministro Augusto Sherman Cavalcanti. Cabe recurso da decisão.
______________________________
Para reclamações sobre uso irregular de recursos públicos federais, entre em contato com a Ouvidoria do TCU, clique aqui ou ligue para 0800-6441500.

Boas Vindas à Mais Nova Chapadinhense: Letícia Saraiva


Coluna Social
Às 8 horas da manhã do último dia 10 de novembro, nasceu no Hospital das Clínicas de Chapadinha (HCC), Letícia Saraiva, primeira filha do casal Aldy Saraiva Júnior e Jacyara Saraiva.

Aldy Júnior como é mais conhecido, foi Vereador em Chapadinha pelo PTB e é filho do vice-prefeito eleito nas eleições de 2008, o senhor Aldy Saraiva e, da sra. Madalena Saraiva, atual gestora regional da Agerp/Chapadinha.

Jacyara é filha de ex-vereadora Raimundinha.

Letícia nasceu pesando 3,725 kg e medindo 50 cm. Mãe e filha já receberam alta e passam bem.

Parabéns pela chegada da tão esperada princesinha. Desejo que esta linda menina cresça com muita saúde e com certeza dará a vocês muitas alegrias!

Merendeiras Terceirizadas Reivindicam 3 Meses de Atraso de seus Vencimentos de Valor Irrisório de R$ 80/Mês

Dezenas de trabalhadoras terceirizadas do setor de merendeiras da Secretaria Municipal de Educação ligados à Prefeitura de Chapadinha estão com salários atrasados. Estariam sem receber há três meses, apesar de atuarem em uma área importante como escolas públicas.
Os profissionais de escolas públicas estiveram concentrados na Praça Cel. Luís Vieira, no Centro de Chapadinha, para manifestar a indignação contra o poder público municipal pelo abandono de unidades onde deixaram de trabalhar depois dos atrasos. Uma dessas funcionárias, que pediu para não ser identificada com medo de represálias, atua no setor de merendeira como terceirizada e que há três meses está sem receber seus vencimentos, disse ter deixado de ir à escola onde trabalha e não sabe mais o que fazer para sustentar a casa com três filhos. "Mas não dá para sobreviver depois de tantos meses de atraso", disse a mãe de família desesperada. Como solução para o problema, ela acredita ser necessária mais organização do poder público no fluxo de caixa para evitar a suspensão dos serviços. "É um efeito cascata: o poder público não paga, e os trabalhadores deixam de prestar o serviço".

Cada um desses servidores recebem por mês R$ 80,00 (oitenta reais), onde deveria, por lei, receberem um salário mínimo cada, e estão sem receber pagamento há três meses, e por esta razão cruzaram os braços e paralisaram suas atividades na zona rural do município.

As perguntas que não querem calar: Será que a Prefeitura Municipal de Chapadinha repassa à essa cooperativa um salário mínimo ou os irrisórios 80 reais? De quanto será o contrato da Prefeitura Municipal de Chapadinha com essa cooperativa do município de Aquiráz/CE? E por que esse contrato com uma empresa de outro estado, no caso, do Ceará, e não do nosso estado ou município? Será que houve licitação legal para esta cooperativa executar esse tipo de trabalho?

Na sexta-feira (dia 6/11), as servidoras se aglomeraram em frente ao Chapadinhense Hotel, local onde foi acertado para efetuar o pagamento, reivindicando o pagamento dos salários atrasados. Uma cooperativa proveniente do estado do Ceará, contratada pela Prefeitura Municipal de Chapadinha efetuou o pagamento referente apenas a um mês, dos três em atraso.

A cooperativa foi aberta dia 08 de janeiro de 2009. Muita coincidência.

Centenas de Jovens em Busca do Primeiro Emprego

Texto e Fotos: William Fernandes - Blog TvMirante
Centenas de jovens entre 18 e 24 anos de idade ja se inscreveram no programa "Viva Meu Primeiro Emprego" em Chapadinha. As inscrições, que foram realizadas no auditório do C.E. Raimundo Araújo, começaram na quinta-feira (12) e terminaram nesta sexta-feira (13) as 18h, e visam selecionar 70 jovens que ainda não trabalharam com carteira assinada, para trabalharem em empresas locais.
Documentos necessários
Para se inscreverem, fazia-se necessário o jovem levar os seguites documentos:
- Carteira de Trabalho;
- CPF;
- RG;
- Título de Eleitor;
- Comprovante de escolaridade (2º grau completo ou terminando este ano); e
- Comprovante de cursos realizados (ex.: informática, vendas, recepção, etc).

Orgulhosa, estudante exibe carteira de trabalho, entre a secretária Geisa Lobo e o assessor Antonio José, o "AJ"
De acordo com a secretária municipal do trabalho, Geísa Lobo, até o meio dia (de sexta-feira, 13), mais de 400 jovens já haviam comparecido ao local de inscrições. "A meta é cadastar 700 pessoas no programa. destes, 70 serão selecionados para trabalharem em empresas da cidade por 3 meses, recebendo um salário mínimo, pago pelo governo do estado e com carteira assinada. Após esse período, se o jovem tiver agradado ao dono ou gerente da empresa, ele poderá continuar trabalhando, mas, com o pagamento do salário por conta da própria empresa", explicou a secretária.
Quem não for selecionado nesta etapa, terá nova chance em março do ano que vem, quando Chapadinha receberá novamente a equipe do Primeiro Emprego.

Chapadinhense é Morto na Capital em Confronto com a Polícia

A polícia mandou os bandidos encostarem, mas eles fingiram rendição e dispararam contra um militar. Um dos bandidos mortos (foto) era de Chapadinha
Parecia mais um dia normal para o sargento Carlos do 8° Batalhão de Polícia Militar. Isso até saber que quatro homens armados com revolveres haviam assaltado um carro na praia do Olho d’Água. Depois de receber as informações via rádio, a viatura começou a rodar pelo bairro para tentar encontrar os quatro homens até que foram achados.

A polícia mandou os bandidos encostarem. O sargento desceu da viatura sem colete a prova de balas. Os homens esperaram o PM se aproximar para fazer os disparos contra ele. O policial tentou correr, mas não conseguiu e levou cinco tiros.
Depois do “fuzilamento” os bandidos conseguiram fugir em direção a Avenida Litorânea onde assaltaram mais um carro, que foi usado para levá-los para o bairro da Ilhinha, no residencial Ana Jansen. Os policiais ficaram no local para prestar socorro ao colega. O sargento foi internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Carlos Macieira.
A Perseguição
Ao saber que os bandidos roubaram um carro de um taxista na Avenida Litorânea, policiais militares do 8° BPM, do Serviço de Inteligência (SI) e do Batalhão de Missões Especiais (BME) começaram uma verdadeira caçada aos criminosos.
Depois de horas de perseguição, os PMs finalmente conseguiram descobrir onde os bandidos estavam escondidos. Para ter certeza de que nenhum deles fugiria, mais policiais foram chamados para reforçar às duas saídas da casa. Em pouco tempo, cerca de 40 policiais aguardavam o amanhecer para invadir a residência e prender os quatro homens. Eles foram identificados apenas como: René, Leonardo, Adriano e o chapadinhense Gentil (foto acima).
O Cerco
O lugar era perfeito para um esconderijo noturno, por se tratar de um lugar de difícil acesso e de pouca visibilidade. O problema foi que os bandidos não perceberam que dezenas de policiais estavam ao redor da casa. Quando começou a amanhecer o medo de morrer tomou conta dos bandidos e eles começaram a atirar contra os PMs.
Enquanto corriam em direção ao mangue para tentar escapar dos policiais, começou uma verdadeira guerra. A área de mangue com o mato fechado dificultava a visão dos bandidos e policiais. Depois de quase dez minutos de intensa troca de tiros entre policiais e bandidos, três assaltantes acabaram mortos: René (do estado do Pará), Leonardo (da cidade de Vargem grande) e Gentil (de Chapadinha). Os corpos dos três bandidos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML).
Por Michel Sousa

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Comarca de Chapadinha Capacitará Servidores em Boas Práticas de Gestão

A juíza da 1ª Vara da Comarca de Chapadinha (a 245 Km de São Luís) Andréa Furtado Perlmutter Lago (foto), promove, nos dias 19 e 20 de novembro, um curso sobre o “Guia de Boas Práticas na Gestão das Secretarias Judiciais”, ferramenta que busca fornecer aos servidores orientação técnica na gestão dos procedimentos internos nas varas e juizados. O objetivo é padronizar e otimizar os serviços judiciários.

O guia – acompanhado de CD -, é uma ferramenta elaborada pela equipe do Núcleo de Planejamento Estratégico do Poder Judiciário, com o auxílio de secretários judiciais das varas cível, criminal, de família e de juizados, busca orientar e uniformizar procedimentos nas secretarias judiciais das comarcas, visando à racionalização e otimização dos serviços judiciários.

Segundo a juíza, o curso constará de duas turmas, matutino e vespertino, e será realizado na própria Comarca. Além dos servidores das varas do fórum, serão disponibilizadas dez vagas para servidores de outras comarcas, próximas à Chapadinha. O curso será coordenado pela analista judiciária Leoneide Brito Martins, gestora do projeto na Comarca. Os participantes terão direito a um certificado emitido pela Divisão de Treinamento de Recursos Humanos do Tribunal de Justiça.

“Estamos trabalhando seguindo as diretrizes do planejamento estratégico do Poder Judiciário, que visa a ser reconhecido como uma instituição ágil e efetiva na solução dos conflitos em sociedade, conjugando tratamento humanizado com práticas modernas de gestão e correto uso da tecnologia”, observa a juíza Andréa Permulter.

A Corregedoria Geral da Justiça apóia a realização do curso com o fornecimento do material didático, logística e divulgação do curso e orientação da juíza auxiliar Sônia Amaral, coordenadora do Planejamento Estratégico do Judiciário.
Ascom/Corregedoria Geral da Justiça

A Volta do Nosso Vascão!

Se preparem, times da "Primeira", pois o Vascão vem com "tudo"!!!...

Vem Aí: 1º Festival de Talentos de Chapadinha

A Comissão: Paulo Sullyvan, Alaine, William Fernandes e Tays
Olha aí a galera da Comissão Organizadora do 1º Festival de Talento de Chapadinha reunida na prefeitura em pleno sábado (7), planejando todas as etapas do evento que será realizado na Praça Irineu Galvão.

Então vá se preparando, porque nos três primeiros finais de semana de dezembro a cidade vai ferver com a realização do Festival que pretende descobrir os grandes talentos que ainda estão escondidos nos quatro cantos da cidade.

Haverá quatro categorias: Música, Dança, Teatro e Piadas. Vai ser o "bichooo"!!!

Informações: (98) 9161 3666 ou festivalchapadinha@hotmail.com

Prédio da Prefeitura Passará por Reforma

A prefeita Danúbia Carneiro anunciou na semana passada que fará uma pequena reforma na Prefeitura nos próximos dias. Ela visitou todas as salas e definiu, junto com os secretários municipais onde deverão ser instaladas as secretarias que ainda não tem sala, como as de Cultura, Esporte, Turismo, Igualdade Racial e do Trabalho.

Outras secretarias que já estão instaladas na prefeitura deverão trocar de sala. Como a Secretaria de Educação já está funcionando em novo endereço, na Praça Cel. Luís Vieira, muitas salas foram liberadas na prefeitura.

A reforma prevê a troca do piso, a construção de uma nova fachada, instalação de computadores com internet em todas as salas, uma central telefônica e uma recepção informatizada, com controle das pessoas que entram no prédio, visando agilizar o atendimento ao público.

Após a reforma, todos os funcionários deverão usar um crachá, com a identificação do setor em que trabalha.

Arquivo do blog