Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Chapadinha Gás - Liquigás

Chapadinha Gás - Liquigás

Armazem Paraíba

Armazem Paraíba

sábado, 9 de maio de 2009

Um 1º de Maio para ficar na história de Chapadinha!

Não foi pela quantidade de pessoas presentes ao evento (em comparação com outras cidades do mesmo porte, foi uma manifestação modesta).
Contudo, Mais de 100 (cem) pessoas se fizeram presentes à manifestação dos trabalhadores no dia 1º de maio de 2009, em Chapadinha-MA.

Para o histórico das manifestações deste dia, em anos anteriores, superaram-se todas as espectativas, já que geralmente compareciam entre 20 (vinte) e 30 (trinta) pessoas.
Dentre as figuras de se fizeram presentes e que roubaram a cena (no bom sentido da expressão) foram: o Pastor Pedro Vilela, da Igreja Batista; o professor Francejane; o poeta e escritor chapadinhense Herbert Lago Castelo Branco; o vereador Antonio Peroba, representante da Igreja Presbiteriana; representantes da CUT no Estado do Maranhão, diversos representantes de sindicatos, associações, etc. As reivindicações deste ano giraram em torno da discussão sobre a implementação do PCCR (Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração), o Piso salarial dos professores, as condições degradantes em que a infraestrutura do município se encontra, e outros assuntos diversos.

Não se pode atribuir o sucesso do evento à recente iniciativa do SINDCHAP em promover processo judicial no sentido de garantir os recursos do FUNDEF que não foram disponibilizados pelo Governo Federal.

O que se observou, de fato, foi um sentimento de angústia generalizada frente à crise econômica e à capacidade de os poderes constituídos (Municipal, Estadual e Federal) enfrentarem esse grande desafio.

Todos queremos, realmente, a continuidade do desenvolvimento. Mas, pra isso, precisamos sentir firmeza de que essa continuidade é real e, ainda, supera as espectativas.

Apesar do fato de que alguns(mas) funcionários(as) públicos(as) não terem acordado para o clima de liberdade de expressão que respiramos e para as reais necessidades da coletividade, sem se preocuparem apenas com favores e benesses individuais, houve grande expansão na participação no 1º de maio.

Destacou-se o momento da parada em frente à residência da "Verdadeira Guerreira", a saudosa professora Neném Coêlho. Fora feita uma oração e um minuto de silêncio.
Assim, o ano de 2009 fica marcado na história do SINDCHAP e de todas as entidades sociais, especialmente as ligadas aos trabalhadores, como o ano do acordar para a verdadeira expressão do trabalhador, o amadurecimento da classe trabalhadora que tanto o nosso presidente Lula defende.

A presidente, profª Neldan e toda a sua diretoria estão de parabéns por estarem realizando um bom trabalho frente ao SINDCHAP.
Assessoria de Comunicação/SindChap

Nenhum comentário:

Arquivo do blog