Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Hortifruti Fernandes

Hortifruti Fernandes
Travessa 15 de Novembro - Centro (ao lado da extinta Escola Amélia Almeida / Semáforo)

Star Drinks

Star Drinks

Posto Ipiranga / Chapadinha

Posto Ipiranga / Chapadinha

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Quebradeiras de Coco em Chapadinha Celebram Convênio para Instalação de Agroindústria

Para a presidente da associação, Gracilene Cardoso (em destaque), a atuação do Sebrae foi fundamental para essa conquista.

Com apoio do Sebrae e parceiros, 120 famílias do Assentamento Canto do Ferreira - zona rural de Chapadinha, serão beneficiadas com a extração do coco babaçu.

Por Lidiane Reinaldo - Ascom / U.R. Sebrae/Chapadinha

O sonho de melhorar de vida está mais próximo da realidade para as quebradeiras de coco do Assentamento Canto do Ferreira, no município de Chapadinha (MA), que abriga 120 famílias. As mulheres, que fazem parte da Associação das Quebradeiras de Coco dos Projetos de Assentamentos de Chapadinha, firmaram junto a Fundação Banco do Brasil, um convênio no valor de mais de duzentos mil reais para a instalação de uma agroindústria para beneficiamento do coco babaçu na comunidade.

Para a elaboração do projeto, a associação contou com o apoio do Sebrae, que em maio de 2016 iniciou uma consultoria tecnológica com o estudo dos equipamentos adequados para extração do óleo de babaçu. Com o projeto foi possível viabilizar o recurso que propiciará resultados importantes para a comunidade.

Segundo o gerente regional do Sebrae em Chapadinha, David Felipe Amorim, a atividade econômica da comunidade Canto do Ferreira é de suma importância para o município de Chapadinha e para o Maranhão. “A produção do óleo, azeite de coco e seus derivados são altamente valorizados e foi a partir desta oportunidade que o Sebrae iniciou a consultoria tecnológica e também a qualificação das quebradeiras de coco, no sentido de prepará-las para o mercado. O trabalho do Sebrae continuará após a implantação da agroindústria onde será realizada esforços para engajar a comercialização dos produtos, fazendo com que se tornem adequados ao mercado consumidor” afirma Amorim.

Além do Sebrae, a associação também contou com a parceria da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) - Campus Chapadinha, da Articulação do Semiárido Brasileiro (ASA-MA), da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), para aprovação do projeto junto a Fundação Banco do Brasil.

Mulheres da Associação das Quebradeiras de Coco dos Projetos de Assentamentos de Chapadinha, celebram nova conquista da instalação de agroindústria.

O projeto prevê, além da construção da agroindústria, toda a sua estruturação, a partir da aquisição de equipamentos adequados para beneficiamento do coco babaçu, até capacitações das quebradeiras de coco. Com isso, o maior objetivo é ampliar a renda das extrativistas por meio da comercialização de derivados de amêndoas do coco babaçu em toda região.

A gente sabia que tudo isso era muito importante, então, decidimos lutar pela associação e pelo projeto. Antes da associação a venda de coco era feita apenas pelo quilo da amêndoa, o que rendia pouco, hoje, depois de seis anos de luta para a conquista de um convênio, vamos celebrar essa vitória com as companheiras, sempre lembrando que o Sebrae foi uma das peças fundamentais nessa luta, juntamente com outros apoiadores”, comemora a presidente da Associação das Quebradeiras de Coco do Canto do Ferreira, Gracilene Cardoso.

Outro projeto da associação e que já está em andamento, é o de beneficiamento do mesocarpo para o preparo de pães, bolos e biscoito, utilizando como ingrediente principal a amêndoa do coco babaçu. “Esses dois projetos sendo desenvolvidos nessa comunidade é um marco muito grande para todas nós, apesar de muitas pessoas descriminarem as quebradeiras de coco, não acreditando na luta das mulheres, a gente conseguiu mostrar que podemos, tanto que conseguimos o primeiro convênio e logo iremos celebrar outros projetos”, ressaltou Gracilene.

Para marcar a assinatura desse primeiro convênio, está agendada para o próximo dia 15 de agosto, ás 9h, na própria comunidade, uma cerimônia de assinatura, que contará com a presença de diversas autoridades locais e parceiros.


Publicidade

Além de frutas, verduras e legumes fresquinhos,
oferecemos o Disk Água Mineral:
99162-2367 / 98309-0401
--------------------------
Travessa 15 de Novembro - Centro
(Ao lado da extinta Escola Amélia Almeida / Semáforo)


Postar um comentário

Arquivo do blog