Chapadinha Gás

Chapadinha Gás

Gráfica Editora Escolar

Gráfica Editora Escolar

FACSU - Faculdade Sucesso

FACSU - Faculdade Sucesso
Polo Chapadinha/MA

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Prefeita Ducilene Belezinha Inaugura Três Pontes na Zona Rural de Chapadinha

 
Ascom/PMC

No governo Ducilene Belezinha, a palavra de ordem é trabalho, mesmo no domingo, enquanto muitos aproveitam para descansar, a prefeita Belezinha juntamente com sua comitiva, composta pelo vereador líder do governo, Irmão Carlos, o vereador Murici, vereadora Raimundinha, vereadora Márcia, o secretário municipal de Obras, Aluísio Santos, a secretária adjunta de Administração, Adriana Pontes, a chefe de gabinete, Jaciara Saraiva e o advogado, Aldy Júnior, percorreram mais de 70 km no último domingo (07), pelas estradas da zona rural. O objetivo foi inaugurar três pontes que há muito tempo a comunidade sofria com a falta de estrutura e pedia por reforma.
 
 
Ponte do Salitre
Em apenas um mês, três pontes foram totalmente recuperadas, prova de que mesmo com o município passando por problemas de inadimplência a vontade de melhorar as condições de vida de mais de 8 mil pessoas, que foram beneficiadas com as obras, depende muito do compromisso de uma administração comprometida com o povo.
 
A prefeitura de Chapadinha, por meio da secretaria de obras, realizou os trabalhos nas pontes dos povoados Cangaia, que liga a cidade aos povoados: Cabação, Cruzilândia, Veredão, Rumo, Mambira e Alagadiço Grande; do povoado Salitre que dá acesso aos povoados: Cipual, Rodeio, Patos, Lagoa Grande e Cercadinho e também a ponte do povoado Santa Rosa que dá acesso às cidades de Afonso Cunha, Aldeias Altas e Coelho Neto.
 
 
Ponte da Cangaia
 
 
Ponte da Cangaia
 
 
Ponte da Cangaia
 
 
Com recuperação de quase todo o assoalho, implantação de cabos de aço e guarda-corpos, as pontes estão prontas para uso apresentando segurança na travessia de veículos e pedestres.
 
 
Ponte do Cangaia
 
 
Ponte do Cangaia
 
 
Ponte do Salitre
 
 
Ponte do Salitre
 
 
Ponte do Santa Rosa
 
 
De acordo com o lavrador, Pedro Alves de Lima, que mora no povoado Cipual, a grande preocupação da comunidade do local era a chegada das chuvas, pois há dois anos a travessia no Salitre só era possível por baixo, mas com a cheia do rio isso fica impossível, obrigando os moradores a se submeterem a situações de riscos.
 
 
 
Agora com essa reforma melhorou 100%, pois com a cheia do rio ficava difícil a travessia. Queria levar alguns produtos pra vender na cidade e não tinha como passar, a gente tinha que se arriscar”, disse o lavrador.
 
Outro que também sofria com o descaso da gestão anterior, que ignorou o problema dessas comunidades, é seu Francisco Moraes. Ele conta que há quase dois anos tinha que procurar outras estradas para chegar à cidade de Afonso Cunha, e isso deixava a viagem mais longa e cara.
 
 
 
Vamos poder fazer nossas viagens sem a preocupação de como atravessar no Salitre, porque agora temos uma ponte muito boa e segura. Estou muito satisfeito com o serviço feito aqui”, disse o lavrador.
 
Para o secretário de obras o trabalho realizado antes da cheia do rio no Salitre foi o diferencial para que com a chegada das chuvas as comunidades circunvizinhas não tivessem mais um ano de prejuízos e dificuldades.
 
 
 
As chuvas deram uma pausa e isso nos ajudou muito na conclusão dos trabalhos. Aqui no Salitre tivemos que recuperar a ponte desde as bases até o assoalho. Pensamos na segurança de todos que passam por aqui, por isso fizemos uma estrutura reforçada com cabos de aço e guarda-corpos para evitar que alguém se desiquilibrasse aqui em cima. Como as pontes que estamos inaugurando interligam cada região e como o movimento nelas é grande, foi necessário concluir logo essas três para passarmos para outras fases”, disse o secretário.
 
Os moradores dos povoados vizinhos também foram conferir o presente que foi entregue, pois todos eles foram beneficiados. Para a prefeita, Ducilene Belezinha, o governo municipal está no caminho certo buscando atender às necessidades das comunidades dentro das condições do município.
 
 
 
Os povoados do Gangaia, Salitre e Santa Rosa estão de parabéns, não só eles, mas todos os moradores dos outros povoados que precisam passar por essas pontes para seguir viagem, seja para buscar tratamento médico na cidade, para estudar ou para vender seus produtos. Nós só estamos começando e temos fé em Deus que conseguiremos inaugurar muitas outras obras. Contamos com a compreensão das demais regiões, mas tenham certeza que estamos atentos e não vamos descansar até conseguirmos atender a todos", afirmou a prefeita.
 
O lavrador Altieles do Nascimento Silva acompanhou a comitiva e ficou satisfeito com o resultado das obras e lembrou que em períodos de cheia ônibus não passavam por aqui.
 
Passar pela ponte do Santa Rosa era muito perigoso, em épocas de chuvas ônibus não passavam por aqui. Para seguir viagem um ônibus ficava de um lado da ponte e outro carro tinha que ser providenciado para a outra margem e nem sempre tinham os dois transportes. Mas agora a passagem tá tranquila”, afirmou o lavrador.
 
Após a inauguração das pontes, a população recebeu a prefeita Ducilene Belezinha e sua comitiva em um clube no povoado do Alagadiço Grande, e todos foram prestigiar as palavras das autoridades que acompanhavam a prefeita.
 
 
 
Todos ouviram atentamente aos pronunciamentos que trataram
de questões relevantes para a região.
 
 
 
Ao final, a prefeita entregou os troféus aos vencedores do campeonato de futebol realizado no local.
 
Campeão São Pedro e vice Cercadinho.
 
 
 
 
 
 
Ponte do Salitre
 
 
Ponte do Cangaia
 
 
Ponte do Salitre
 
 
Ponte do Salitre
 
 
 
 
Ponte do Santa Rosa
 
 
Ponte do Santa Rosa
 
 
 
 
Confira as fotos do antes e depois das reformas nas três pontes
 
 
Ponte do Cangaia em reforma
 
 
Ponte do Cangaia após a reforma
 
 
Ponte do Santa Rosa antes da reforma
 
 
Ponte do Santa Rosa após a reforma
 
 
Ponte do Salitre antes da reforma
 
 
Ponte do Salitre após a reforma
 

Nenhum comentário:

Arquivo do blog