Star Clinic

Star Clinic

Gráfica Editora Escolar

Gráfica Editora Escolar

Armazem Paraíba

Armazem Paraíba

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Técnicos da Agerp recebem treinamento em Chapadinha

A Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp) realizou entre os dias 27 e 29 de março último, o curso de capacitação Cadeia Produtiva da Mandioca, na cidade de Chapadinha, a 256 quilômetros de São Luís. A iniciativa foi direcionada aos 28 técnicos que atendem aos escritórios regionais de Itapecuru- Mirim e Chapadinha e teve como objetivo atender a uma necessidade apresentada pela região, uma vez ser esta é uma das principais produtoras de mandioca do estado.


A ação faz parte do Convênio 024 firmado entre a Agerp e o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), para atender 30 mil famílias nos 217 municípios do Maranhão e encerra o ciclo de quatro cursos sobre o aproveitamento da mandioca. Nessa etapa, a Agerp contou com a parceria do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e do Instituto para o Desenvolvimento Sócio Ambiental (Idesa), além da coordenação local e regional da Agência.


Durante os três dias do encontro, o instrutor Dorival Silva Araújo tratou de questões relacionadas aos aspectos da plantação da mandioca, da tecnologia para investimento, comercialização e melhoria do produto, dentre outros temas.




Além de aulas práticas, a coordenação levou a equipe a uma visita à comunidade Vila União (povoado Ladeira), quando foi recebida pelo agricultor Antônio dos Santos Abreu (presidente da Associação dos Moradores da Vila União) e associados, para treinamento com as técnicas avançadas da produção da farinha de mandioca e seus subprodutos.


Bastante positiva a experiência no sentido de passar conhecimento aos técnicos da Agerp das duas regionais, para que assim eles possam se aperfeiçoar cada vez mais nesse processo de assistência técnica e extensão rural”, destacou Dorival Araújo, ao tempo que completou dizendo que “as informações que foram repassadas, compõem o básico para que os profissionais recém contratados tenham conhecimento da nova Política de Assistência Técnica e Extensão”.


Para mim foi bastante positivo. Descobri novas experiências e novos conhecimentos. Funcionou como uma forma de interação, além do mais foi uma excelente iniciativa da Agerp, sem contar que o instrutor tem conhecimento amplo sobre o assunto. Ganhei muito ao participar, haja vista que, a partir de agora, poderei repassar aos agricultores familiares que assisto”, ressaltou Marcos Adriano (foto), da regional de Itapecuru- Mirim.


No entendimento do coordenador do Idesa, Osvaldo Albuquerque, todos os momentos da capacitação foram importantes, mas destaca principalmente, a visita técnica à comunidade Vila União. “A visita à comunidade para mim foi o ponto alto. Para mim, ficou acima do esperado”, disse, afirmando ser a parceria com a Agerp nesta ação extremamente satisfatória, tanto por parte da coordenação local, quanto da regional.



Nenhum comentário:

Arquivo do blog