Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Armazem Paraíba

Armazem Paraíba

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Chiquinho Carneiro Articula Reencontro de Irmãos

Por: Sousa Neto
Vez por outra, pessoas que moram Brasil (e até no exterior) afora, entram em contato com nosso blog a procura de familiares, parentes e até amigos. Assim, já fizemos alguns reencontros (através de contatos, principalmente por telefone): de um irmão do radialista Eldy Barros, com o mesmo; de uma amiga de D. Helena, esposa do advogado Edmilson Aguiar (que ligou de Brasília-DF pedindo informações de contato da família); de um amigo (Pastor) a procura de contatos do Pastor Pedro Vilella (da Primeira Igreja Batista de Chapadinha);  dentre outros.

Chiquinho Carneiro com a "procurada" (e agora, achada) Salvadora (Dora)
MAIS UM CAPÍTULO
Nesta quinta-feira (19) fomos procurado pelo amigo Chiquinho Carneiro, que nos relatou que um homem por nome de Antonio Reginaldo de Sousa, o teria procurado (via telefone) para obtenção de informações sobre familiares que possivelmente estariam morando em Chapadinha. Detalhe: Antonio encontrou os contatos (telefone) de Chiquinho Carneiro em um anúncio do mesmo aqui neste blog (ChapadinhaSite.com).

Dora é proprietária de uma bomboniére localizada no Centro da cidade
Antonio, atualmente mora na capital do estado do Tocantins, Palmas, e estava a procura de duas irmãs: Raimundinha (Raimunda da Conceição) e Salvadora M. da Conceição (conhecida como Dora) - ambas são evangélicas. Todos são filhos de Maria de Fátima da Conceição (já falecida). Anteriormente, moravam na localidade Barreira dos Cocós, município de Esperantina-PI. Detalhe: a saudosa Maria de Fátima (mãe) faleceu durante o trabalho de parto, justamente, do Antonio Reginaldo. 

Dora com sua filha Maise Ketlyn da Conceição Alhadef
Pois bem. O chapadinhense Chiquinho Carneiro, em posse de algumas informações, procurou alguns meios de comunicação de Chapadinha, onde deixava seus contatos. Eis, que finalmente uma pessoa que atende pelo apelido de Dora o procurou, e veio a tona a grande surpresa: era justamente a pessoa (irmã) que o amigo Antonio estava a procura. Chiquinho nos confessou que Dora ficou muito emocionada com a história e não conteve as lágrimas. Após 30 anos de procura, e com o auxílio do chapadinhense Chiquinho Carneiro (através deste blog) finalmente os irmãos se reencontraram, mesmo que por enquanto, só através de telefonemas, articulados por Chiquinho.

 
Antonio Reginaldo e sua irmã Salvadora (Dora) em contato com este editor, agradeceram o apoio e aproveitaram para parabenizar a eficiência do amigo Chiquinho e dos meios de comunicação, em ajudar as pessoas que necessitam independente de raça, cor e credo.

 
Embora não seja político, o amigo Chiquinho Carneiro se apresenta um cidadão solícito e prestativo. 

Nenhum comentário:

Arquivo do blog