STAR Clinic

STAR Clinic

Chapadinha Gás

Chapadinha Gás

Gráfica Editora Escolar

Gráfica Editora Escolar

Lojas Super Lar

Lojas Super Lar

Armazém Paraíba

Armazém Paraíba

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

BURITI: Polícia Civil Prende Ex-Primeira Dama e Apreende um Arsenal de Armas de Grosso Calibre

 
Por: Blog do Foguinho
 
Polícia invadiu nesta manhã, 21, a casa do ex-prefeito de Buriti, Evandro de Freitas Costa Mourão, conhecido por “ Neném Mourão”.
 
 
Esposa de Neném Mourão presa na Delegacia,
pagou fiança e foi liberada
 
A Juíza de Vargem Grande expediu um cumprimento de ordem judicial para uma investigação na casa do Ex-prefeito Neném Mourão na cidade de Buriti para averiguar o uso de arma de fogo na casa do suspeito de uma tentativa de homicídio, o filho de Neném Mourão, Francisco Evandro Freitas Costa Mourão, que é o suspeito de ter cometido a tentativa de homicídio na cidade de Vargem Grande.

As Polícias: GTA (Grupo Tático Aéreo), A Civil de São Luís, o Corpo de Bombeiro e a Polícia Civil de Chapadinha e Burití, realizaram a operação para buscar ou encontrar a arma que teria sido usada contra o ex-radiologista Gilbert, ocorrido no dia 15 de Janeiro deste ano, nas estrada que liga Vargem Grande a Chapadinha, quando o radiologista estava de viagem para Buriti.

Na ação a Polícia encontrou na casa do Ex-Prefeito duas espingardas, uma Pistola e muita munição.


 
 
A Pistola é de propriedade de Evandro, e ele tem porte legal de Arma, mas está com o prazo de validade vencido e foi apreendido.

A esposa de Neném Mourão foi presa com essas armas em casa e foi encaminhada a delegacia de Chapadinha, onde foi ouvida pelo Delegado, pagou um a fiança e logo após foi liberada.

Três Advogados acompanharam o depoimento da ex-primeira dama.

A ex-primeira dama é sogra do atual prefeito de Buriti , Rafael Mesquita .
 
 
 
 
 
Carro de Evandro usado na tentativa de homicídio, que ficou preso na Delegacia de Chapadinha.

Porte legal de arma de Evandro que está com o prazo de validade vencido, ficou preso na Delegacia de Chapadinha.

 
 
 

 

Veja a matéria abaixo do blog Correio Buritiense que fala sobre a tentativa de homicídio.


EXCLUSIVO: EX-RADIOLOGISTA, DEMITIDO DO POSTO DE SAÚDE DE BURITI, SOFRE TENTATIVA DE ASSASSINATO COM QUATRO TIROS.

 
 

Pálio do radiologista,alvejado de tiros.

A tentativa de homicídio tem características de queima de arquivo.
A vítima era testemunha em processo Eleitoral em Buriti-MA

O radiologista prestou depoimento por três horas à Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), em São Luís-MA.

O ex-radiologista e maestro da banda fanfarra de Buriti (MA), Gilbert Sousa, 23 anos, foi vítima de tentativa de assassinato, na manhã de ontem (15), na estrada que liga o município de Vargem Grande a Chapadinha.

Segundo relatou ao Correio Buritiense, Gilbert saiu de São Luís, por volta de 8h30min, com destino a Buriti, para fazer acertos sobre o pagamento de seus serviços prestados à prefeitura, onde já havia sido demitido. Ele estava sozinho em seu carro, quando passando por Vargem Grande, cerca de 11h30min, percebeu que estava sendo seguido por uma picape prata, sem a tampa da caçamba traseira. Desconfiado, ele reduz a velocidade do seu carro pálio para 60 km/h, para certificar-se que o veículo que o seguia faria a ultrapassagem. Entretanto, a picape fez uma ultrapassagem, proibida, pela direita, e, então, uma pessoa que estava no banco traseiro da picape efetuou dois disparos consecutivos, que perfuraram o para-brisa do lado do motorista da vítima.

O radiologista só escapou porque se deitou no banco do passageiro de seu pálio e fingiu-se de morto, deixando o seu veículo desgovernado, somente com sua mão na buzina, parando no acostamento de sentido contrário ao seu. Houve, em seguida, mais dois disparos alternados.
Após os quatro disparos, a picape parou 30m à frente e o possível atirador põe a cabeça para fora do veículo para confirmar a morte da vítima e, em seguida, o carro sai em arrancada.
Ao perceber que não estava mais em perigo, Gilbert retorna em seu trajeto e vai direto para delegacia de Vargem Grande, onde o delegado de polícia o envia, escoltado por dois policiais civis, até a cidade de Itapecuru-Mirim.
Em Itapecuru, a vítima prestou esclarecimentos e revelou ao delegado de lá que era testemunha em um processo eleitoral. Diante dessa informação, o delegado encaminhou Gilbert até a Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), sempre escoltado por agentes civis.
Hoje (16) pela manhã, Gilbert prestou depoimento, por três horas, naSuperintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), em São Luís – MA, onde fez revelações bombásticas mantidas sob sigilo pela Polícia.
Os projéteis foram recolhidos e, após depoimento na SPCI, o veículo foi levado para perícia no Instituto de Criminalística (ICRIM).

A reportagem do Correio Buritiense, que o aguardava na SPC (Superintendência de Polícia Civil), conversou com Gilbert que nos relatou os detalhes da tentativa de homicídio.

QUEM É O RADIOLOGISTA - Funcionário contratado e maestro da banda municipal, demitido de forma arbitrária, Gilbert Sousa sempre foi visto com desconfiança pelo grupo do ex-prefeito Francisco Evandro Freitas Costa Mourão, vulgo Neném Mourão, sendo tido pelos seus correligionários como “homem bomba”, por conhecer supostos esquemas de irregularidades graves na administração do ex-prefeito. Tornou-se, agora, um arquivo vivo, em que supostas informações que mantém consigo, se reveladas e confirmadas, seriam capazes de derrubar a república familiar instalada no palácio municipal.
Veja Mais Imagens do Carro Alvejado de Tiros
 


 










 
 
 
 

Nenhum comentário:

Arquivo do blog