Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Hortifruti Fernandes

Hortifruti Fernandes
Travessa 15 de Novembro - Centro (ao lado da extinta Escola Amélia Almeida / Semáforo)

Star Drinks

Star Drinks

Posto Ipiranga / Chapadinha

Posto Ipiranga / Chapadinha

sexta-feira, 25 de março de 2016

Governo e DNOCS Realizam Primeira Reunião de Trabalho do Tabuleiro de São Bernardo

Secretários Márcio Honaiser (Sagrima) e Adelmo Soares (SAF), além de presidente da Agerp, Júlio Mendonça, representando o governo no GT


O grupo de trabalho do Tabuleiro de São Bernardo, formado pelo Governo do Estado e Departamento Nacional de Obras contra Secas (DNOCS), iniciou suas atividades, no último dia 15 de março, em reunião na Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima). Além da Sagrima, a Secretaria de Agricultura Familiar (SAF) e a Agência Estadual de Pesquisa e Extensão Rural (Agerp) representam o governo estadual na equipe.

Neste primeiro encontro, o grupo definiu a divisão de responsabilidades entre as instituições participantes e apontou adequações necessárias ao projeto original. O prazo para apresentação das primeiras diretrizes de trabalho é de 60 dias. Uma visita técnica ao perímetro irrigado está prevista para o mês de março.

Para o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Márcio Honaiser, a necessidade dos produtores atingirem novos patamares tecnológicos, de produção e produtividade justifica o ritmo acelerado dos trabalhos. “Após tantos anos sem a assistência necessária, os irrigantes do Tabuleiro de São Bernardo esperam deste governo a ação concreta que vai ajudá-los a crescer e contribuir com o desenvolvimento do estado, diminuindo nossas importações de frutas, verduras e hortaliças”, disse.

A primeira fase de revitalização do projeto envolve os municípios de Araioses e Magalhães de Almeida, e planeja utilizar uma área de 5.000 hectares – de um total de 11 mil hectares – para a fruticultura irrigada, com lotes voltados para a agricultura familiar e empresarial.

De acordo com o coordenador estadual do DNOCS no Piauí, Djalma Policarpo, a gestão compartilhada do Tabuleiro de São Bernardo entre governo e DNOCS potencializará os esforços realizados na região. “Esta reunião foi imprescindível por elencar pontos importantes de cada um dos cinco setores do Tabuleiro de São Bernardo, além de comunicarmos a aquisição de dois conjuntos de eletrobombas que serão empregados na infraestrutura da área. A parceria entre Governo do Maranhão e DNOCS vai, com certeza, dar um retorno positivo, em forma de produção, emprego e renda à população da região”, ressaltou.

Projeção feita pela gestão da agricultura no Maranhão aponta que, com o aproveitamento total da capacidade produtiva e o uso adequado de tecnologias, será possível atingir uma média anual de rendimento de até R$ 9 bilhões.


Publicidade



Postar um comentário

Arquivo do blog