Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Chapadinha Gás - Liquigás

Chapadinha Gás - Liquigás

Armazem Paraíba

Armazem Paraíba

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Educação e o Carnaval da Corrupção

Em meio as denúncias de que o Prefeito de Água Doce do Maranhão (distante 213 km de Chapadinha) além de custear abadás com verba da educação teria pago duas vezes por escola não construída, conforme Auditoria da Controladoria Geral da União (CGU), somam-se a farra milionária, envolvendo recursos da educação no custeio de bolsa de estudo, em convênios realizados entre a Secretaria de Educação e a FAPEMA (Leia levantamento feito por Flávia Costa nos comentários da matéria "BOLSA FAMÍLIA NA EDUCAÇÃO'').

Entre as beneficiadas pela "bolsa-família " várias familiares das Secretarias Adjuntas Carmem Aroso e Graça Tajra. A lista é enorme e segundo a fonte foram "torrados" mais de R$ QUINZE MILHÕES, em mais uma afronta ao destino dos recursos da Educação, no Estado do Maranhão.

A Secretária Olga Simão que assumiu como diarista, já ostenta o ar da permanência. Com ela permanece sem explicação várias denúncias na Secretaria que iniciam na gestão do Deputado César Pires e perduram até hoje.

Olga alegou na posse que mais de 100 escolas foram construídas, outras estão em construção e 196 unidades foram reformadas. Não disse onde aconteceram essas construções ou reformas. Em contato com o atual Superintendente de Engenharia da SEDUC, que por sinal não é engenheiro e nem comprova habilitação para área, não foi fornecido nenhum dado referente as construções ou reformas, muito menos as planilhas com as comprovações dos serviços.

Afora esta panacéia que envolve a cúpula da educação no Estado, falta controle e acompanhamento na fiscalização e execução dos projetos que envolvem as verbas da Educação no Maranhão.

Surgem em contrapartida vários funcionários da SEDUC, entre eles o advogado Eric Marinho, que responde pela Assessoria jurídica do órgão, apresentando sinais exteriores de riqueza incompatíveis com o salário de R$2 Mil Reais. Entre carrões, mansões, milhões, lanchas, motos e outros mimos de consumo. Eric Marinho teria comprado um canal de Televisão no Município de Chapadinha de Levi Pontes, advogado e filho do ex-Deputado Pontes de Aguiar.

A corrupção na Educação sai da cúpula para os municípios, com direito a bloco e abadás.

É a tolerância zero de ROESEANA. Então Tá deu.
Imagem ilustrativa

Nenhum comentário:

Arquivo do blog