Dra. Maryane Veras

Dra. Maryane Veras

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

INTERNET DE QUALIDADE É COM A...

Armazem Paraíba

Armazem Paraíba

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

CHAPADINHA: Secretaria Municipal de Obras Retoma Serviços em 33 Escolas e Creches


Depois de um ano de luta para tirar o município da inadimplência e organizar a casa, a prefeitura de Chapadinha, através da secretaria municipal de infraestrutura, começa 2014 com a retomada e início de obras que foram paralisadas na gestão anterior, por falta de prestação de contas e apresentação da documentação necessária. Logo no primeiro dia útil do ano, o secretário Aluízio Santos e equipe visitaram escolas e creches do município para fazer levantamento dos serviços que serão realizados durante o período de férias escolares, com recursos próprios.

O objetivo é concluir os trabalhos num prazo de 35 dias, com realização de reparos na estrutura, pintura padronizada dos muros e fachadas das escolas. Até as unidades que foram municipalizadas devem passar pelas adequações.

Como o calendário escolar foi modificado por causa da Copa, as aulas em Chapadinha devem começar mais cedo, por isso precisamos agilizar os trabalhos para entregar tudo pronto aos nossos alunos. Nossa equipe vai trabalhar diuturnamente para cumprir com o prazo”, disse o secretário. 


No total serão atendidas 33 escolas e creches da sede. Os serviços serão feitos com recursos próprios, pois toda a verba que seria destinada para a realização dos trabalhos, por meio de convênios com o governo estadual e verbas do FUNDEB, já foram retiradas e as obras de melhorias não foram concluídas.

A urgência do Governo Ducilene Belezinha é proporcionar aos alunos da rede municipal e profissionais da educação mais conforto e qualidade no ensino. Para isso, ainda no ano passado, a atual administração cadastrou as unidades para serem contempladas com kit´s escolares junto ao Governo Federal. Esses materiais serão entregues por uma empresa que responderá pelos convênios em todo o país. Na relação dos kit´s constam aparelhos de condicionadores de ar, novas lousas e carteiras. Tudo para tornar o ambiente na sala de aula mais agradável.

"Sabemos das dificuldades em trabalhar em salas sem ventilação. O calor é muito forte e isso prejudica o rendimento dos professores e alunos. Por isso nossa pressa em terminar tudo logo”, declarou o secretário. 

Para receber os novos materiais a prefeitura deve adequar todo o sistema elétrico das escolas, com novas fiações, disjuntores e distribuição de rede de maneira para utilização racional da energia para evitar sobrecarga e desperdício, um problema muito comum que pôde ser constatado em apenas um dia de visita. Quando se aperta um interruptor várias lâmpadas são acesas ao mesmo e sem necessidade. Mudança que já deve começar a partir da próxima semana.

Nesta primeira etapa foram visitadas 9 escolas e 2 creches, sendo elas:

Unidade Integrada João Gomes, no bairro do Areal, Unidade Escolar Coronel Joaquim Nunes, no bairro das mil casas, Unidade Escolar Dom Pedro I, na Cohab, Unidade Escolar Amélia Mendes Ferreira, no areal, Unidade Integrada Alexandre Costa, no bairro da corrente, Unidade Escolar Professora Carolina Mesquita, na corrente, Unidade Integrada professor Oliveira Roma, também no bairro da corrente, Unidade Integrada Dr. Almada Lima, nas Terras Duras e Unidade Integrada Sebastião Rodrigues Lobo, no Caterpillar e as creches: Jota Coutinho no bairro das mil casas e Luiz Rocha Júnior, no Areal.

O governo municipal está atento aos problemas de cada escola, sendo que as mais problemáticas são Almada Lima e Alexandre Costa.

Todos os trabalhos devem atender aos requisitos que constam nos convênios já firmados, mas que não foram cumpridos.


PUBLICIDADE



Nenhum comentário:

Arquivo do blog