Chapadinha Gás

Chapadinha Gás

Gráfica Editora Escolar

Gráfica Editora Escolar

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Notícias da Paróquia de Chapadinha

 
1- A construção de igreja de São José, continua. Começam a faltar meios, mas Deus lá vai ajudando. Estávamos pagando uma fatura de lajota e o dinheiro não chegava. Alguém, ao lado, diz: “dê o que tem que o resto fica comigo!”. E assim foi. Obrigado a Deus e ao amigo de quem Deus se serviu! Já foi também entregue a imagem de São José para restaurar, a Dª Genuina Pessoa a quem agradecemos por tanta dedicação.
 
 
 
2- Esta semana Irmã Prudência, Rogério e Ivanária participaram de um encontro em Brejo para preparar a Campanha da Fraternidade que este ano tratará sobre a Juventude.

3- Na missa das 20h,  do último domingo (6) houve a Primeira Comunhão de alguns adultos que se prepararam durante o ano na catequese paroquial. Damos este grupo como exemplo: jovens e pessoas adultas que vieram do interior e, não tendo tido oportunidade de, lá no interior, se prepararem para a Comunhão, procuraram aqui na cidade quem os ajudasse. E a catequese paroquial os ajudou.
 
 
4- Está havendo alguns casais que se preparam e celebram o seu Matrimônio nas duas leis, ao mesmo tempo. Há essa possibilidade. Diz-se: casamento religioso com efeitos civis. O casal vai ao cartório e prepara tudo para casar no civil. Dá também os nomes para o processo correr na igreja. Dias antes de casar na igreja vai ao cartório e pede uma declaração de habilitação para casar, que entrega na igreja. Com essa habilitação, ao casar na igreja, casa também no civil. A cerimônia religiosa serve para as duas leis. Depois a paróquia envia aviso ao cartório com ata do ato, elaborada e assinada pelo casal. E fica o casamento feito nas duas leis.
 
 
5- O ofertório feito no domingo passado para o missionário de Moçambique, Pe. José Adauto (foto abaixo), rendeu R$ 1.901,00. Foi o ofertório mais generoso que se viu. Foi feito em todas as capelas. Foi entregue ao Pe. José Adauto 1.000 euros, o equivalente a 2.600 reais.


 
6- Semana passada foram visitadas as seguintes comunidades do interior: Poções e Baixão.
 
 
7- Estão a ser reparadas as capelas de Barroca da Vaca e Baturité, por a madeira do telhado ter apodrecido.
 
 
8- Ainda não foram tomadas nenhumas medidas sobre os roubos feitos nas capelas e a descoberta do ladrão na capela da Tigela. É impressionante como os grupos de bandidos atuam, com toda a liberdade! No bairro da Corrente, numa padaria, o dono deu um tiro para o chão no momento em que um grupo abria a porta para roubar. Fugiram. Mas a mãe de um veio queixar-se que podia ter matado o filho!
 
 
9- Os carnês do dízimo estão a ser distribuídos. Entrega-se também um calendário a todos os dizimistas.
 
 
10- Já foi encomendado o novo sacrário e um cofre para a capela do bairro Corrente. Os dois que foram rebentados estão irrecuperáveis, mas vão ser mandados para a fábrica a ver o que se pode fazer. Incentivamos todas as diretorias das capelas a colocar grades nas janelas e, para já, travas bem seguras.
 
 

Nenhum comentário:

Arquivo do blog