Chapadinha Gás

Chapadinha Gás

Gráfica Editora Escolar

Gráfica Editora Escolar

domingo, 25 de março de 2012

A monocultura do eucalipto está destruindo o solo, as nascentes, os riachos e rios do MA

Daqui a no máximo 10 anos rios como esse (imagem) deixarão de existir

O estado do Maranhão está devastado pela monocultura do eucalipto, que destrói toda mata nativa, que tem como conseqüência mais imediata, a destruição do solo para outros tipos de cultura, as nascentes, os riachos e os rios. O plantio do eucalipto vem se expandindo cada vez mais em nosso país, devido à grande rentabilidade que é capaz de gerar. O município Urbano Santos é um do mais afetados por essa praga chamada eucalipto, no estado do Maranhão.


A MONOCULTURA E O DESERTO VERDE

"O eucalipto é uma planta originária principalmente da Austrália e do continente da Oceania, embora algumas raras espécies sejam de ilhas como Nova Guiné e Timor, além das Ilhas Moluscas. Sua implantação em outras áreas se deu somente no século XIX, começando pela Europa, passando pelos Estados Unidos e finalmente chegando ao Brasil por meio do Sr. Frederico de Albuquerque, no ano de 1968, no estado do Rio Grande do Sul. Um dos maiores propagadores da espécie pelo país foi A. Pereira da Fonseca, realizando grandes plantações no estado do Rio de Janeiro, com variadas espécies do gênero eucalyptus.


A planta começou a ser amplamente utilizada depois da descoberta de seu valor econômico, e hoje é utilizada como principal fonte de alimentação da indústria da celulose no Brasil, o que acaba por ocasionar grandes discussões e até mesmo conflitos entre proprietários de terras plantadas com o eucalipto e a grande massa de militantes sem-terra. Uma das grandes vantagens do eucalipto e sua rápida difusão, é o fato de a planta ser capaz de se adaptar aos mais diversos tipos de climas, desde locais quentes e secos, como os deserto australianos, à climas muito úmidos e frios, como na Escócia.


O termo deserto verde vem ganhando um grande destaque na mídia, tanto no âmbito nacional quanto no internacional, devido à grande repercussão que tem causado os atritos que envolvem esse termo. Mas o que afinal define “deserto verde”? (Rafael Said Bhering Cardoso)


Extraído do site Vias de Fatos



Nenhum comentário:

Arquivo do blog