Chapadinha Gás

Chapadinha Gás

Gráfica Editora Escolar

Gráfica Editora Escolar

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Segundona do Maranhão: Chapadinha é banido, e participação do Moto, anulada

TJD-MA absolve Viana, que venceu o polêmico jogo dos 11 a 0, e time decidirá o título da Série B maranhense com o Santa Quitéria

O Tribunal de Justiça Desportiva do Maranhão (TJD-MA) julgou na noite desta quinta-feira (3), as controvérsias ocorridas na Segunda Divisão do Campeonato Maranhense, que teve a partida em que o Viana goleou o Chapadinha por 11 a 0, eliminando assim o Moto Clube, que por outro lado disputava a competição mesmo tendo caído este ano. O Tribunal decidiu eliminar o Chapadinha do futebol, absolver o Viana e cancelar a participação do Moto.

De acordo com o site da "TV Mirante", a segunda Comissão Disciplinar do TJD-MA decidiu por unanimidade desconsiderar a participação do Moto, por contrariar o artigo 10 do Estatuto do Torcedor. O clube, que terá três dias para recorrer da decisão, só poderia disputar a Segundona em 2010, segundo o Tribunal.

saiba mais
-
Escândalo no Maranhão: time faz nove gols em nove minutos e garante acesso
- Polêmica partida da Segunda Divisão do Maranhão tem repercussão internacional

No mesmo julgamento, o Viana foi declarado campeão do segundo turno, mas o Chapadinha, que levou nove gols em nove minutos no polêmico jogo dos 11 a 0, foi banido do futebol. O árbitro Edílson Santiago, que dirigiu a partida, foi suspenso por 30 dias.

Com as decisões do julgamento, o Viana decidirá o título da Segunda Divisão do Maranhense contra o Santa Quitéria. A Federação Maranhense de Futebol agora vai esperar o fim do caso para marcar as datas dos dois jogos decisivos.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog